sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Esse é o futuro do país...

Estou realmente mais preocupado do que já estive com o futuro dessa nação e do homem em geral. E isso porque, estamos perdendo algumas coisas importantes e ganhando outras preocupantes. Certo di li que, fulana de tal, que inclusive era da mesma terra que eu (nasci e morei em lugares distintos), foi líder em vendas com seu livro. Ai pensei, mas espera aí, como assim?

Pode isso mesmo, produção?

Pois é, mesmo que a internet tenha vindo para acabar com o material impresso, o que eu acho muito difícil que aconteça, e ainda mais que a internet seja uma boa fonte de pesquisa e informação e, ainda mais mais que a internet seja uma poderosa ferramenta para tudo o que mais sagrado que existe, ainda assim, a internet é uma merda! Simplesmente por ela ser o que ela é, torna-se uma merda!

Uma terra de ninguém não pode ser o que ela é e não pode ter o poder que ela tem. Afinal, se você escreve qualquer merda, como pode ser? Uma pessoa pode ler e milhares podem ler e a verdade se constrói com a facilidade de um imbecil pregando a própria língua para que 1 milhão de pessoas possam ver, outro milhão ficar sabendo e aí, outro imbecil qualquer criar um vídeo criticando e mais um milhão e outro cria um vídeo criticando quem critica e milhares assistem.

Ou então, certa vez vi que o frenesi era uma distinta, que faz vídeos de humor ácido.. Virou a bambambam...

Tá, vamos lá...

O que me preocupa é que esse bando de gente já se tornou formador de opinião, mas são pessoas tão fracas e tão superficiais que as suas opiniões, com o devido direito, deveriam ficar com eles mesmos... Eu que opinião todo mundo tem, mas assim como bunda, cada um tem a sua e cuida da sua e se quiser mostrar, leva na sua. Eu escrevo nesse blog há tempos e tento, na medida do possível fazer o que muitos desses "formadores de opinião" não fazem, que é antes de qualquer coisa, ensinar o respeito a todos.

E minha preocupação começou justamente quando acordei que os pequenos, cada vez mais pequenos e com seus gadgets estão acompanhando esses imbecis... Sejam quais sejam...

O medo maior é que, cada vez os conteúdos estão ficando porcaria e cada vez ficarão mais porcaria...

E viva, será que teremos uma salvação???

Acho que não, né...

Abraço!!!

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Há dias que estou com essa sensação...

Então, há dias que acordo e tenho vontade de dizer: caguei pra você!

Queria muito encontrar com alguém, com alguma "toridade"e para ele dizer: caguei pra você!

É que ultimamente as coisas estão tão fora da casinha que eu não consigo entender porque tanta mudança em tão pouco tempo. Até já compreendi certa vez isso mas agora, não consigo mais. Vamos lá então:

Caiu a Dilma...
Caiu o Cunha...

Que horas vão cair todos os fdp que roubam essa nação e que não fazem nada por mim? Por nós? Por todos?

Não comemorei a saída da dilma assim como não vou comemorar a saída do cunha, pois isso não resolve qualquer problema. É uma doce ilusão idiota de alguns grupos, que longe de ser a minoria, estão conseguindo moldar o sistema ao seu bel prazer.

Gostaria agora de ver cair requião, temer, takayama entre outros nomes, mas estes, não vão cair.

Gostaria muito de ver nosso pleito eleitoral apresentar gente nova, gente que não estivesse atrelada a gente antiga na política... Mas não, os rostos novos estão intimamente atrelados aos antigos e estão usando isso em campanha eleitoral.

É assim, por isso eu digo: caguei para eles...

Quero mesmo esquecer essas coisas, comer um espetinho no Dudu e viver sem me preocupar, mas é quase impossível isso. Afinal de contas, eles fizeram tanta merda que nem meu dissídio coletivo saiu, isso que ele era previsto para 1º de abril...

Ou seja, se estamos bem, não quero ver quando essa merda toda estiver ruim....

Se estamos ruim, talvez um dia melhores...

Mas, não sei o que estamos...


Abraços....

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

5 dias depois...

Cinco dias depois, estou de volta ao ritmo normal de trabalho. claro, isso é sempre bom, #SQN... acho que eu queria um feriado eterno, mas meu patrão não deve ler isso senão meu sonho pode se concretizar...

Eu fiquei em casa pensando: um país que se dá ao luxo de ficar todo esse tempo parado deve mesmo ter muito a oferecer a todos os seus filhos dessa pátria que os pariu, né... Deve mesmo! Aí eu lembro de temer, renan, dilma e outros estrupícios e fico decepcionado em saber que da minha pátria mãe, só o que consigo enxergar são as... esquece....

Quando dizer que as prostitutas são as profissionais mais antigas do mundo, me questiono se elas vieram antes dos políticos ou os políticos vieram antes que elas, tipo o lance do ovo e da galinha, sabe comé... Sei que há uma ligação entre as duas profissões, isso não dá para negar. A ordem dos fatores é que não dá pra ter certeza, até porque, não quero ofender as putas.

Xiiii, soou revolta agora, né... Mas é fato!

Não que seja realmente uma revolta, não é bem o caso e sim, um certo pé atrás, afinal de conas, nada nesse paós parece funcionar mesmo com total eficiência e aí, fica difícil acreditar em qualquer coisa.

Feriado, fora temer ou até novelas. Não dá para considerar nada disso como algo que possa ser plausível... Não dá!

Fazemos assim, desejo a todos uma excelente semana, paro de escrever por aqui e quando puder e conseguir, continuamos o papo, bele?


Antes de ir... quem ainda não foi... Espetaria Simprão Churrasco Rápido   (isso não é anúncio, é dica mesmo...)


Abraço

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Quero muito acreditar, mas juro que não consigo...

Num mundo em que blogueiro deixou de ser e youtuber virou formador de opinião, é difícil acreditar em muita coisa, até porque, que geração vai se formar com tanta imbecilidade? Enfim, verdades para quem as tem e dúvidas para mim, beleza?

Bem, ouvindo rádio hoje pela manhã, apenas porque gosto do rádio, ouvi que os movimentos contra o temer estão aflorando em todo o país, com maior intensidade e maior presença da população. Não pude deixar de sonhar por instantes justamente no que eu mais queria, ou seja, que tudo isso fosse verdade. Gostaria muito de ver temer, cunha e todos esses fdp caírem.

Quero ver mesmo o circo pegar fogo, pois afinal de contas meu salário não dá para nada mais, o desemprego está tomando conta e como diria o Tiririca, "pior que tá, não fica."

Alguns dizem que não há o que temer, mas eu temo e muito afinal de contas, estamos com grupo políticos que querem algo em comum e esse algo, não é positivo para mim, para você ou para qualquer cidadão.O que eles querem o poder e o dinheiro que o poder pode trazer.

Ou seja, quero mesmo que essas manifestações sejam pacíficas e presentes no dia a dia. Já quis isso na época das manifestações contra a ex-presidente e quero que isso seja feito agora. Não me importa se precisaremos de novas eleições ou de qualquer outra providência, mas PMDB no governo não! Já basta a merda que o requião fez no paraná.

Enfim,, eu realmente quero muito acreditar, nas juro que não consigo.

Quero muito ter esperança mas não consigo!

Enfim, vamos ver no que vai dar...


Abraço...

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Não, não... Por favor, não!!!

Vivemos num tempo em que o que compramos ontem, hoje não serve para muita coisa. Haja vistas aos gadgets como telefones inteligentes e computadores entre outros. Algumas pessoas estão investindo ainda em relógios que mostram mensagens e óculos que guiam o seu dia a dia. Incrível, não?

Então, se os tempos mudaram porque temos que aguentar campanhas eleitorais tão imbecis que ofendem até os irracionais?

Sim, estou falando de campanhas em que candidatos a prefeito (executivo) e vereadores (legislativo) prometem coisas tão absurdas que acredito, não enganam ninguém, mas que ainda se convertem em votos, em alguns casos, específicos.

Vamos a alguns temas e vejamos:

- saúde (hum, interessante, pois a saúde é sempre um primeiro tema a ser tratado - e o ultimo a ser cumprido?)

- educação (tem candidato prevendo língua estrangeira, período integral, creche... Se a prefeitura já está ferrada agora, imagine se tudo isso for colocado em prática?)

- segurança (esse é a piada maior, até porque, prefeitos e vereadores pouco podem fazer de forma efetiva)

- transporte (aí, a piada passa a ser ofensiva, por favor, xinguem minha mãe mas não me ofendam com esses papos de ônibus novos e vazios e mais horários).

E o que eu penso que precisa ser feito?

Melhorar e muito o que já tem. Já temos uma máquina estatal gigante, inchada e ineficiente. Temos sim boas escolas, temos sim bons postos de saúde e temos uma polícia municipal muito boa. Temos que fazer isso tudo funcionar.

Inserir metas, inserir objetivos e assim, buscar a eficiência dessa máquina, repito, gigantesca e que para pouco serve.

E para que temos tantos vereadores? Todos esses não fazem o que fariam 12 ou até 15 bem qualificados. Sorry, mas esses todos que aí estão, não prestaram para muito nos últimos 4 anos. É triste mas dos que aí estão muitos se perpetuarão, infelizmente...


Então, boa semana a todos!


Abraço!

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

cuidado com aqueles que foram chamados, heim...

Olha, até onde me consta, desde a época de um tal chesus!!! todos os que se diziam escolhidos, preparados ou chamados, mudaram o mundo, alguns muito negativamente outros, mais ou menos... Mas todos mudaram!

O horário eleitoral começou e já temos um que foi escolhido involuntariamente pelo pai, que se foi, o outro, é escolhido porque o pai é bom, tem aquela que depois de viajar o munto inteiro quer transformar a cidade, tem o petista que sempre fez tudo, mas nunca mostrou nada, e tem o que já fez e disse que quer fazer mais e de novo!

Enfim, o circo eleitoral começou, mas na lógica mais inversa que poderíamos ter, os engolidores de espada, para não dizer outra coisa, somos nós... Toba é toba!

Quero muito que todos possam se concentrar um pouco e assim ajudar a escolher o melhorzinho dentre todos os piores que estão por aí. Eu já tenho meu candidato e claro, pouco a campanha dos outros me fará mudar de ideia. Minhas convicções foram construídas ao londo de muito tempo observando o comportamento desses que aí estão, de outros que querem estar e ainda dos que já passaram por aí. Posso afirmar que, em 2016 está difícil, mas há uma luz fraca no fim do túnel.

Reeleição, acho pouco provável, mas ele tem a máquina nas mãos e será muita incompetência se pelo menos ao segundo turno não for, né!

Hoje, no primeiro programa ouvi poucas promessa, para não dizer nenhuma. Todos usaram o seu tempo para contar histórias: o pai que morre e deixa o filho no lugar, a que viaja o mundo inteiro, o que por seu amor quer governar, o que tem o legado de família, e as propostas que ouvi, diz respeito ao que quer revitalizar asfaltos, mas antes disso, quer organizar uma equipe fixa para fazer isso. Putz, será que o que tá aí não poderia ter feito isso? Merda, né...

Eu gosto muito do ano eleitoral justamente por isso, pois conseguimos nos divertir com as coisas mais absurdas... as propostas mais idiotas, os candidatos mais despreparados... e o maior exemplo de que o dinheiro compra muitas coisas, mas não consegue fazer algo ruim ficar bom da noite para o dia ou muito menos, tornar melhorzinho algo que seja ruim mesmo.

Dos vereadores, esses não gastarei meu tempo escrevendo. Como fui candidato e sei como é e o que eu poderia ou não fazer, já aviso, quero que todos percam. Principalmente os que lá estão, quero que todos não sejam reeleitos. Poderia citar alguns nomes mas vou evitar problemas...

Você eleitor, de a chance para outras pessoas, podem até ser piores, mas que pelo menos tenhamos a renovação que precisamos....


E bom pleito para todos... Nesse jogo, quero muito que todos os que concorrem percam, menos nós, que além de tudo, pagamos os salários desse cavalheiros e damas!


Abraços...


Ah, para todos que leem esse blog, fica a dica da Espetaria do Simprão - a qual eu de forma imbecil ainda devo uma visita, mas que de qualquer forma pertence ao meu amigo Dudu, O Simprão que sempre esteve junto, tanto no DLQ quando na minha candidatura e como amigo!!!

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Meu, seu, nosso dinheiro...

Vamos lá, pessoal. Domingo que passou, estive na praça da espanha em curitiba, lugar central, que há pouco tempo passou por uma reforma - se não me engano para a famigerada copa do mundo que se realizou no brasil. Ou seja, é novinha em folha.

Tirando o fato de que essa praça está consolidada, fiquei surpreso com o que vi. Tem uma fonte, bem bacana com água e tal, tem alguns estabelecimentos como bares e restaurantes, o lugar é razoavelmente frequentado por várias pessoas, principalmente num domingo a tarde, frio...

Agora, ao meu olhar maldito, o que mais me chamou atenção foram esses dinheiros nossos, meu, teu, de todos os curitibanos senho jogados ao tempo, no lixo! Obrigado prefeito!

Imagens:

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Enfim, não há porque usar outra legenda nas fotos. Foi isso que mais me chamou atenção, pois é visível a falta de cuidado ou até por dizer, situação de abandono. Ou pelo menos descaso. E ainda, essa fiação é de cobre, que com o tempo oxida e deixa de prestar. E ainda mais, o cobre é caro, e o custo para repor isso, vai ser alto.

Mais uma vez, pagamos por sermos imbecis... Eu, afirmo - nunca votei e jamais votarei no Fruet. Mas, a maioria votou! E agora, ele quer ficar mais 4 anos construindo algumas ciclofaixas e fazendo uma limpeza interna na prefeitura.

Até nem sei que candidato faria melhor, mas penso que no mínimo, precisamos prestar muita atenção no que vai acontecer nos próximos dias, pois teremos que escolhar e dentre os piores, teremos que escolher o melhorzinho...


Vá lá e confere, essas fotos foram tiradas no dia 21 de agosto, por volta das 17 horas...

Triste, triste, e se fosse apenas essa praça, eu até ficaria quieto, mas rode por esta cidade e depois, leve seu carro para uma revisão na suspensão...kkkk

Abraço!

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

e você, se esforça para que?

Sábado foi um dia interessante. penúltimo dia das olimpíadas no brasil, muitos atletas correndo atrás de suas medalhas e resultados e barco a todo vapor. Nós, brasileiros, como sempre, correndo atras de um recorde meio maldito, pois nunca chegaremos a ser qualquer tipo de referência no esporte mas, temos sim vários guerreiros, que não desistem nunca.

Mas, sem enrolação, vamos lá: se eu fosse atleta de qualquer esporte que não o futebol, e ganhasse uma medalha, e, tivesse que ver a festa feita por causa de um timeco de futebol, juro que eu devolvia a medalha e iria concorrer por outro país, qual fosse.

Uma vergonha. Um timinho cocô que ganhou na cagada. Pior é ouvir os comentaristas cagando pau para um tal neymar... Como se só esse esporte importasse. Eu sei que é o que trás mais retorno para a mídia, que é o que envolve mais dinheiro essas coisas, mas deixar de apoiar com a mesma ênfase outros esportes? Triste isso, heim...

Eu estava assistindo ao Fox Esportes e fiquei enojado, pois o comentarista, o locutor, chegaram a dizer que a medalha de ouro do futebol foi a mais importante de todas... Ah, vai se fuder... Os caras ganharam 500 mil cada um por ganhar...  Não fizeram mais do que a obrigação...

Outros tantos atletas precisaram do apoio do exército para conseguir...

Vergonha, vergonha... Eu tenho vergonha de ser brasileiro nessas horas, mas fazer o que, aqui nasci, mas aqui, vou sempre discordar disso..

Eu sei, eu sei, você está todo feliz com a vitória, então, comemore...



Abraço...

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

um convite verdadeiro - 4

Olá. Bom (dia, tarde, noite)! Hahaha, comecei mal, heim!

Mas vamos lá... Diz um ditado antigo e antiquado: "diga-me com quem andas que te direi que és!"

E é fato de que temos que tomar cuidado com que andamos, não por causa do julgamento alheio pois a opinião dos outros, pelo menos para mim, vale o mesmo que uma barata esmagada, ou seja, nada. Mas, sim, porque nossas companhias tem um poder de persuasão que pode ir do inconsciente ao imoral.

Nos últimos tempos tenho conversado com pessoas que não tinha a menor ideia de que, de alguma forma, poderiam contribuir para meu pensamento - de forma positiva - sobre temas polêmicos que envolvem nossa existência como brasileiro que somos.

E aí entra o convite verdadeiro - 4!

Leis trabalhistas - ou melhor, as mudanças necessárias!

É fato que a CLT é um instrumento muito bom, melhor ainda para o trabalhador. Mas essa consolidação foi elaborada há muito tempo e pouco tem de realidade nos dias atuais, em que o desemprego assusta mais que as leis e ainda, que serve como base para o comportamento que se costuma observar em boa parte dos trabalhadores.

Uma lei que garante férias, 13º e outros "benefícios"está, para dizer o mínimo, desatualizada e fora do contexto trabalhista moderno. Não quero apenas que o trabalhador perca direitos, não se trata disso, mas sim, uma nova forma de ver e interpretar sobre esses direitos.

É preciso mudar, na minha visão, muita coisa!

A primeira que eu quero ver mudar, diz respeito a férias. Afinal de contas, nos dias de hoje, 30 dias são suficientes? É justo para a empresa ter que abrir mão de um trabalhador durante 30 dias? Não seria interessante, será, uma flexibilização disso? Sim, permanecem os 30 dias, mas que o trabalhador junto com o empregador pudessem negociar isso, em 2, 3, 4 períodos? Enfim, acredito que seja necessário um pouco mais de atenção nisso e claro, sem prejuízos para os trabalhadores. Afinal de contas, se antes o trabalho tinha maior foco no serviço braçal ou industrial, justificava-se 30 dias de descanso, mas hoje, com boa parte trabalhando em escritórios, com cargas horárias definidas?

Enfim, é preciso uma reforma!

O trabalhador, e me desculpem os que não concordam, vocês tem o direito e o dever de discordar, mas esse trabalhador que está aí hoje, tornou-se muito acomodado com relação às leis trabalhistas. Hoje, é bastante presente as situações em que, após trabalhar certo tempo numa empresa, um trabalhador sai e vai cobrar na justiça coisas que, ele mesmo aceitou através de contrato. E, se há aceitação de ambas partes, não acho justo que apenas uma tenha que pagar numa situação dessas.

E também, as empresas tem que ter o direito de poder de, ao romper-se um contrato por parte do trabalhador (aquele que não cumpre horário, que faz corpo mole ou que simplesmente não cumpre com o que foi acordado), sem que depois, na justiça, seja reforçada uma injustiça.

Empregados e trabalhadores estão evoluindo. E isso precisa ser visto pela legislação, que tem que estar atualizada com essa relação moderna. Sem que haja prejuízos mas sim, adequações e transformações.

Reitero meu convite verdadeiro 4: vamos repensar essa lei trabalhista?


Abraço!

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Quem você prefere?

Hum, hoje o dia está repleto de jornalecos divulgando o patrimônio dos candidatos a prefeito de curitiba. Engraçado que eles não costumam fazer isso para os candidatos a vereador e a desculpa é que seriam muitos e que não daria e coisa e tal. Mas, vamos lá.

Quem você prefere? Um candidato pobre ou um candidato rico?

Temos de tudo um pouco, gente que declarou zero e gente que declarou milhões.

Não sei em quem confiar, afinal de contas declarar zero não necessariamente garante alguma coisa nem declarar milhões garante outra coisa. Ou seja, se partimos disso, tanto faz como tanto fez, uma vez que o que eles devem realmente fazer, nenhum deles vai conseguir fazer mesmo.

Governar como prefeito deve ser um saco: tem que ficar pensando na cidade, onde fazer obra, onde ajeitar isso, onde arrumar aquilo, e ainda tem que colocar amigos dos parentes dos apoiadores, receber a imprensa, empregar familiares, e por ai vai... E de que me importa se ele é rico ou pobre?

De que adianta esse tipo de informação se lá na frente, nada disso vale alguma coisa?

O que eu prefiro mas que nunca acontecerá é o sistema de retirar o voto depois da eleição, já imaginou?

Vai lá, tipo assim: o cara é eleito com 52% dos votos. Aí, começa a governar e só faz merda, ou ciclovias, por exemplo, sem investir em postos de saúde e na educação. Aí, a galera vai lá e começa a retirar os votos, até que - puf - ele se ferra e precisa devolver o cargo.

Aliás, isso deveria valer para os vereadores, que são tantos e que tão pouco fazem pelo coletivo que tenho a certeza que perderiam cargos a torto...

Hahaha, seria interessante, legal, divino!

Garanto que aí, os caras iam aprender a trabalhar... Com toda certeza, não ficariam 4 anos negociando as coisas que não repercutem em melhoras coletivas para o município. Então, teriam que trabalhar sim pelos postos de saúde, pelas escolas, por nossas ruas malditas cheias de buraco e antipó...

Sinceramente, pouco me importa se fulano tem zilhões, se cicrano tem mils e se beltrano tem 0. O que me importa é poder escolher, dentre os piores, o melhorzinho, ou seja, aquele que talvez faça alguma coisa, digamos mais prática ou mais digna para todos nós.

Esse ultimo mandato foi uma prática de ajustes internos e quem mais se ferrou foi a população, e claro, ele quer ficar mais 4 anos.

Lembra daquele que prometeu que não, se ganhasse o segundo mandato não sairia para o governo do estado? Ou aquele outro que prometeu que ou baixava ou acabava?

Pois é, o papel aceita qualquer tipo de promessa, mas, na prática, ter patrimônio ou não, prometer ou não, é paenas um ponta do jogo político. Mentir, que aprendemos desde de cedo que é feito, torna-se bonito e necessário...

Eu já escolhi meu candidato, enfim, escolha bem o seu e a sorte está lançada, que dentre os que tem, consigamos escolher o melhorzinho, dentre os piores!!!


Abraço!