sábado, 19 de junho de 2010

semana errática

essa foi uma semana muito tumultuada e difícil para mim. vou usar o blog para relatar o acontecido e quem sabe ajudar outras pessoas a não passarem por situações que eu passei e que logo poderei demonstrar através de alguns papéis assinados por esses profissionais, que são muito importantes em nossas vidas, mas que por fatores alheios ao meu entendimento, tambem erram.

na terça-feira a noite, quase madrugada de quarta-feira, levei meu filho mais novo, o Luiz Eduardo ao hospital pequeno príncipe em curitiba, um dos únicos que se presta ao atendimento pediátrico.

chegando lá, o moleque não conseguia respirar direito e tava com uma super tosse, fizemos a triagem, seus batimentos cardíacos estavam bons, o nível de oxigenação estava também bom... a médica, por alguns instantes examinou e logo pediu uma radiografia. fomos e fizemos a tal radiografia.

ao retornar, a médica já comentou que tinha acabado de internar o paciente anterior, pois ele estava com pneumonia. ela observou a radiografia e logo nos deu a notícia que nosso pequeno LE estava na lista dos internados da noite. pois ele também estava com pneumonia. emboras eu conheça um raio-x, até esse momento eu não queria e não iria discutir com a médica, afinal, ela estudou muitos anos para isso. eu, ah eu só fiz jornalismo.

internamento feito, na hora de assinar os documentos, descobri que essa médica já tinha batido o recorde de internamentos da noite. na hora em que eu assinava, tinha mais 3 solicitações...

meu problema é que eu tenho um amigo porco, o barrinho, que volta e meia fica falando no meu ouvido que tem algo de podre no jardim do paraíso. no dia seguinte, um médico, que seria o responsável por acompanhar o internamento, entro no quarto, examinou meu filho por alguns instantes, e logo disse que "achava" ser realmente pneumonia no pulmão esquerdo, mas que as enfermeiras do posto não haviam encontrado os examos e por isso, ele ficaria 5 dias internado.

o barrinho novamente me falou que tinha algo podre. como minha sogra era funcionária do hospital, ela agilizou o laudo do Raio-X e para nossa surpresa, os pulmões não apresentavam nas imagens qualquer indício de pneumonia.

em sua segunda visita, o médico confirmou que não era pneumonia. mas mesmo assim, deixou meu piazinho mais um dia internado.

a grande lição?

questione seu médico, peça evidências... em caso de dúvida, consulte outro e outro... nem sempre, na medicina, tudo é tão óbbvio quanto parece.

agora, pegarei todo o prontuário, o qual eu tenho direito, e se caso for, processo nos médicos envolvidos. não quero dinheiro pois dinheiro algum vai tirar de meu filho a quantidade de penicilina que ele tomou enquanto esteve internado... eu apenas quero entender quem errou e que o responsável me peça desculpas.

errar é humano, mas não reconhecer o erro é inaceitável...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!