terça-feira, 21 de dezembro de 2010

E a inclusão digital...

Sobre uma baixa grande. A gigante dos computadores + ou - demitiu, até agora pelo que foi noticiado, 400 funcionários em plena semana que antecede o natal. Enfim, uns dizem 400, outros dizem 600, tem alguns, ligados a empresa que falam em 1000... ai, ai, ai...

A empresa, por sua vez, que vendia zilhões de computadores + ou - em uma grande loja de varejo, o famoso varejão (25x sem acréscimo), viu seu império desabar, ou quase. Gastou grana para vender para nossos hemanos, e agora, rua para tantos...

Na verdade, o brasil, campeão de geração de empregos do planeta, o melhor país do mundo para sub-trabalhar com sub-salários, império que tem "o cara", começa a colher alguns frutos amargos que já citei nesse mesmo blog e que vai infelizmente ter que ser assim mesmo.

A Sra. Dilma Plastiquinha Roussef já anunciou que vai mudar os financiamentos. Por exemplo, tem muita grana de financiamento de carro e casa, que precisa ser entregue mes a mes. Porém, quem precisa pagar esses dinheiros, é o mesmo que infelizmente ficará sem emprego na empresa de computadores + ou -. E aí, como ele vai pagar se não temos uma industria de informática consolidada? E como esse cara fará com a prestação da casa própria?

Mais uma vez citando, infelizmente, as coisas não parecem tão agradáveis como esperamos. A idustria está operando, mas com as demissões, o poder de compra de parcela da população vai diminuir, o fgts vai ser usado, teremos zilhões de parcelas de seguro desemprego e coisas assim. É um efeito avalanche. Duvida?

Viva para ver...

Quer estar errado, mas é muita mudança de uma vez só e de forma bastante estruturada pelo novo governo. Mas, como viver sem financiamentos num país onde o povo não tem poder de compra e sim, capacidade de compra vinculada a financiamentos?

Será a hora errada de mexer nessa ferramenta econômica tão bem difundida e propagada por lula-la 51?

É, sei lá... espero estar errado em tudo que escrevi hoje...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!