terça-feira, 26 de julho de 2011

Comunicação? Já era!

Tenho escutado, dia após dia, que vivemos uma era da falta de comunicação. Ou melhor, é isso que me leva a entender a fala de tantas pessoas que me cercam. Na empresa, as coisas não funcionam por falta de comunicação. Em casa, a comunicação também está horas 100%, horas 10%. Mas, em tempos de internet, é possível que falte comunicação?

Ok, internet pode não ter nada a ver com esse assunto, certo? Acredito realmente que sim, pois para mim, a comunicação deve existir antes de mais nada, do boca a boca, do verbal, do contato com outros seres semelhantes a nós. Isso não é ruim... É bom!

Mas, se falta comunicação e quando você observar, todos estão conversando... Que falta é essa? Talvez seja justamente a falta de utilizarmos algo que levamos milhares de anos para desenvolver. Falar e ouvir, é algo muito simples, mas a impressão que tenho é que estamos com preguiça de fazer isso.

No emprego, tem situações em que um e-mail é enviado quando poderíamos resolver de forma simples, ou ligando no ramal ou ainda, levantando a bunda gorda e indo até a sala ao lado para resolver o problema. Simples, não?

Em outros momentos, falamos de tantos assuntos que conseguimos esquecer de falar o realmente necessário. Hoje, tive em uma reunião em que o papo rolou solto, foi agradável e além de tudo, produtivo. 50% poderia ter sido resolvido por e-mail, mas minha nobre amiga e companheira de trabalho Sabrina decidiu por uma leitura conjunta do roteiro. Talvez a mais sábia das decisões dessa primeira etapa do trabalho, com certeza.

O que nos falta não é comunicação, e sim, deixarmos a preguiça de lado. Ler jornais, livros, revistas, buscar informação... Isso é um bom começo, mas quem sabe, uma conversa mais direcionada com seu esposo, com seu vizinho, com seu chefe ou com qualquer pessoa desconhecida na rua possa ser legal? Pode ser que isso também seja se comunicar, não?

Ler esse blog também pode ser uma forma de se comunicar.

Nosso comportamento moderno está nos afastando aos poucos das pessoas e nos aproximando das máquinas, mas elas não estão fazendo com que nos comuniquemos... E sim, que curtamos ou não, apenas uma frase numa rede social.

Comunicação? Já era?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!