segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Esses dias...

Então, esses dias eu acordei com uma pergunta que ainda não calou em minha cabeça: o que você faz por curitiba? E foi justamente o que eu fiquei me perguntando e que agora mesmo está em minha cabeça. O que eu faço por Curitiba?

Será mesmo, que tudo é culpa do governo ou então, da falta da mão do estado na vida das pessoas? Será mesmo que a unidade de saúde 24 horas do Pinheirinho, ao lado do terminal, estava com mais de 100 pessoas para serem atendidas ontes, apenas por culpa do governo? Afinal de contas, será que o prefeito está mandando as pessoas ficarem doentes ou um outro alguém? Ou será que as pessoas, por negligência ou falta de inteligência, não se protegem ou previnem? Será ainda, a fome do povo responsável por tudo isso?

Afinal de contas, o que você faz por curitiba?

Experimente andar em pleno centro de curitiba, de carro, numa tarde de quarta-feira, por volta de 15 horas, de preferência próximo ao Shopping Curitiba. Vá lá, vale a penas você perceber o que você faz por curitiba!

Você que está lendo esse texto, o que você faz por curitiba?

Veja, temos 38 ou 39 vereadores, será que a culpa de tudo estar errado é apenas deles? Será que eu, você e os nossos, não temos tanta culpa quanto ou até mais?

Quer mais uma?

Você separa o lixo organico do reciclável em sua casa? Não estou nem falando em separar plástico, metal e vidro, apenas tirar restos de comida dos recicláveis. Você faz isso? Ah, então, o que você faz por curitiba?

Essa pergunta não quer calar e eu tenho um monte de respostas já para ela: eu faço algumas coisas e esse blog vai ser um ponto de apoio para eu responder essa pergunta. Eu faço pouco, mas tento fazer mais. Eu faço porque além de tudo, mesmo não amando, aqui moro e aqui morarei por muito tempo. Eu quero uma curitiba melhor não só para meus filhos, mas para os seus filhos e os filhos dos nossos filhos.

Eu quero uma curitiba melhor para o velhos, para moços e para todos, mas, o que nós fazemos para curitiba?

Isso sem demagogias ou sem participar de grupos isolados que tentam fazer coisas, como os defensores dos animais ou os defensores das araucárias. Eles tem o seu papel, mas não tem qualquer força. Vamos lá, o que podemos fazer por curitiba, eu e você?

Pense nisso. É um exercício interessante...

Ah, e se quiser uma diga, pare de dar dinheiro em sinaleiro, você não está realmente ajudando, nem ele, nem nossa curitiba...

Fui

Um comentário:

  1. gostei muito do seu blog.....seu blog é bem melhor que o meu........parabenhess *-*

    ResponderExcluir

Desabafe!