sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Quem ganha com isso?

Vou responder de cara: SOMOS NÓS!

Agora sim... Na quarta ou na quinta, não me lembro bem, um grupo de policiais civis(não sei se o plural está certo) resolveu baixar num desses shoppings que tem no centro de curitiba que só vende porcaria falsificada. E botaram pra baixo o comércio ilegal, na MELHOR DEMONSTRAÇÃO DE CUMPRIMENTO A LEI VIGENTE NO PAÍS. Eu amei saber, pois quando a polícia trabalha legal, os bandidos correm para a toca de rato.

Mas, sempre tem um mas, os policiais estão sendo retalhados agora. Talvez, algum peixe grande tenha alguma lojinha lá, né... Não sei, e não quero nem saber. Mas o problema disso é que a sociedade ganha, mas os policiais perderam a segurança de por em prática sua própria profissão. É como se um cozinheiro não pudesse cozinhar, só lavar pratos ou então, um jornalista tivesse que ficar preenchendo destinatários de envelopes. Ou seja, uma decepção...

E ai, para mais uma vez mostrar que SIM, eles querem trabalhar, um grupo de policiais detonou uma casa de jogos em que também funcionava uma luxuosa "casa das primas". Puteiro fechado e a galera esperando para o flagrante, e adivinhe?

Nova retaliação... Nenhum delegado acompanhou e agora estão dizendo que os "puliça" estão fazendo coisas erradas. Combater o crime é errado então?

OK, a cúpula dos policiais acha que isso é meliciano e político por causa de um tal Estatuto da categoria.

Enfim, seja porque for, que continuem fazendo isso.

EU ME SINTO MAIS SEGURO QUANDO A POLÍCIA ESTÁ ASSIM TÃO ATUANTE!

Obrigado!

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Uma árvore que cai...

Hoje pela manhã, ouvindo rádio, percebi que além dos três prédios que simplesmente cairam, aqui em curitiba, uma árvore se rebelou com a vida e decidiu fazer uma vítima fatal.

Infelizmente, apesar da brincadeira sem graça, o assunto é muito importante de levarmos para uma discussão mais ampla. De que adianta curitiba ser a cidade mais verde do planeta se o verde, que possui uma vida util, não recebe a atenção devida? Plantar árvores até é fácil mas ela precisa de certas condições que nem sempre observamos em curitiba.

Por exemplo, plantar uma árvore e permitir que ela viva confinada a um esbaço aberto numa calçada ou num canteiro de uma avenida como a Silva Jardim, é o ideal?

Uma cidade verde é muito linda.. Eu adoro a ideia, mas as árvores dividindo espaços nas calçadas estreitas, talvez não dê muito certo. Mas isso aconteceu uma vez e daqui uns 3 dias, nem lembraremos mais...

Sinto muito pela morte...

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

Você acredita?

Então... Você que está lendo esse blog agora, acredita mesmo nas ditas mudanças climaticas? Bem, eu até acredito, não mais na intervenção do homem, mas que está mudando, está!

Curitiba, por exemplo, nos ultimos dias, está mais fria do que ano passado na mesma época. Tivemos dias quentes em novembro, dezembro e agora em janeiro, auge do verão, temos dias amenos. Isso não deve ser normal, ou melhor, talvez esteja se tornando normal. Na hora em que escrevo esse texto, o mostrador que uso no computador informa uma temperatura de 18 °C.

O dia está lindo, algumas nuvens no céu e pelo menos uns 10 dias que não chove o suficiente para molhar tudo. Lembra da época em que esquentava muito durante o do dia e no final da tarde tinha um pancadão de água?

Pois é, o clima realmente está mudando. Não sei se para melhor ou se para pior, mas o melhor mesmo é se acostumar com isso, pois as mudanças não devem parar...

E uma coisa que não consigo entender: mesmo com 1,3 mi de veículos, 2,3 mi de pessoas, obras e mais obras que retiram um pouco mais do verde e colocam o cinza do concreto e o preto do asfalto, mesmo com tantos investimentos na construção de uma "ilha de calor*", como pode estarmos vivendo um janeiro tão ameno?

Alias, ontem, até esquentou pra caramba, mas e hoje?

É esperar para ver, certo?



Toca o bonde!


* Ilha de calor: termo que se refere ao local que possui muitas construções e asfalto, pois são elementos que absorvem muito calor e fazem a temperatura média do local ficar mais elevada!

terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Bem vinda Setran

Acredito que isso é desnecessário em outros países onde a lei, por questão de educação é cumprida. Mas infelizmente no brasil, isso não é aprendido na escola ou em casa, por mais que seja ensinado. A Diretran parou de funcionar no ano passado pois era algo vinculado a algo que não poderia ser (URBS), e assim sendo, perdeu seu valor legal.

Num movimento rápido e rasteiro, a prefeitura através de seus representantes e funcionários criou esse órgão, essa secretaria.

Vou expor a minha opinião como jornalista, futuro representante e claro, como ser humano curitiba: é bem feito!

Não precisa muito mais que 10 minutos rodando por curitiba com um carro ou simplesmente caminhando numa calçada para perceber a urgência dessa secretaria. Se o numero de multas caiu 80% desde que a diretan deixou de multar, que agora esse numero seja retomado. É impressionante a facilidade dos motoristas em desrespeitar as leis previstas no código nacional de trânsito. Das mais básicas, até as mais fortes.

Um exemplo, que eu gostaria muito que a Setran atuasse durante 1 semana, pelo menos. Perto do campus da Federal ao lado do Jardim Botântico, tem uma entrada secundária do parque, já mostrei fotos aqui, em que é possível ver duas placas, não apenas 1, de proibido estacionar. Pois bem, hoje pela manhã, tinha mais uma vez, 1 carro e 1 caminhão estacionados, justamente em frente a placa. Esses motoristas, se não sabem o que quer dizer a placa, com uma multa, aprenderiam rapidinho!

E nesse mesmo local, tem um retorno previsto para que se desloca sentido jardim das américas poder voltar para o centro, em frente a mesma entrada do jardim botânico. Nesse retorno, tem alguns expertinhos que usam para fazer o retorno no sentido contrário, para levar vantagem em relação aos outros motoristas que ficam esperando o sinaleiro como deve ser.

Se a Setran ficar alí, das 7h30 da manhã até as 9h, vai arrecadar um bom dinheiro, além de educar alguns bons motoristas que não respeitam a lei. Setran, é possível ajudar aí?

Sei que a opinião dos leitores deve ser muito diferente da minha, mas uma vez eu também fiz merda. Eu fiz uma conversão errada, vindo do Hauer sentido centro, virei a esquerda na linha verde e fui multado. E, eu nem fiz questão de recorrer da multa e sabe porque? Porque, não faz sentido eu criar uma justificativa para o que não é justificável. Coloquei em risco a vida de minha AMADA MÁ, meus filhotes e um amigo que estava no carro.

Paguei a multa e pagarei sempre que fizer merda!

Espero e desejo vida longa a SETRAN, mas deseja que ela seja mais atuante e mais observadora do que a DIRETRAN. A Diretran se destacou por carros verdes que ficavam passeando por curitiba, mas que nas horas de necessidade, você nunca encontrava.

Para terminar, outra ajuda que peço é pára fiscalizar a Rua Antoni Zeni, no Capão da Imbuia. Essa rua precisa de fiscalização da SETRAN pelo menos 2 vezes por semana, pois é um show de estacionamento irregular que não tem precedentes. Setran, é possível ajudar aí?

Segue o bonde e multa aí!!!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Faça você também...

Claro, nobre leitor. Se dar conselhos fosse bom, talvez todos fizessem. Mas hoje, acordei um pouco mais cedo, tomei meu banho, depois café e fui... Ao invés de pedir para meu brother que me dá carona passar perto de casa, fui caminhando até o Jardim Botânico, que fica uns 3 KM de casa.

E, confesso: foi talvez a melhor coisa que fiz hoje. Não pelo jardim, nem pela natureza, mas pelo que senti estando lá. É impressionante a sensação de paz de espírito. Esqueci que meu pai bebe, que minha mãe queria estar na praia mas não está, esqueci também que não tenho ainda onde dormir (algo que seja meu!). Enfim, esqueci de muitas coisas ruins desse mundo não tão bom assim.

Nesses minutos que passei no Jardim Botânico, consegui esquecer que existem pessoas corruptas, que existem motoristas barbeiros e que tem gente querendo enganar outras pessoas. Lógico que depois lembrei de todos esses, mas não vou ficar pirando o cabeção neles.

Vou contar as horas para eu poder ficar mais alguns minutos no Jardim Botânico!

Se for a natureza, que seja. Mas a sensação valeu todo o estresse, cansaço e desânimo de uma semana difícil!


quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Aumento do buzum em curitiba!

Bom, nem começou o ano e o aumento da tarifa do transporte coletivo de curitiba começa a ganhar destaque na mídia paranaense. Mas o destaque é para o fato de que além de tudo, estamos num ano eleitoral. E assim sendo, a coisa vai ferver.

Uns dizem que se não aumentar ou não houver subsídio da prefeitura, tudo vai ficar vermelho. Outros dizem que o valor atual é mais que o suficiente. E tem que diga que privatizar todo esse sistema é a melhor coisa a se fazer (mas parte dele já é privado, o que invalida a afirmação). E como eu não acredito em nenhuma dessas linhas, resolvi fazer uma brincadeira, a qual, vou demonstrar abaixo.

Eu comprei um ônibus, que custou 1.500.000,00 reais. E vou transportar pessoas num trajeto de 15 KM, que vai passar por 10 pontos, em dois trechos por hora, uma ida e uma volta. A duração prevista para meu ônibus será de 10 anos, trabalhando pelo menos 360 dias por ano (5 para revisão), 18 horas por dia num total de 64.800 horas durante a vida útil.

Para isso, o custo operacional da hora do meu buzum será de 23,14 R$.

Meu motorista, vai ganhar salário de curitiba, em média 1359 iniciais. Ou seja, esse motorista vai me custar 9,44 a hora, com encargos, vou contar 18,88 a hora.

Meu cobrador vai custar, 759, ou 5,27 a hora e com encargos, 10,54 a hora trabalhada.

Esse ôninus, consome 1 litro de diesel por KM rodado, ou seja, durante um dia inteiro, com 15 km por viagem e duas viagens por hora, serão 30 litros por hora, ou seja, com o diesel custando 2,499 o litro, meu custo por hora será de 74,97.

Coloca aí, 50 reais de seguro por hora. 15 reais de IPVA por hora, 10 reais de seguro obrigatório e mais 10 reais por hora, como reserva para manunteção preventiva do equipamento.

Vamos somar tudo para continuar a viagem?

Vamos lá

23,14 (valor do buzum diluido em horas)
18,88 (motorista - diluido em horas)
10,54 (cobrador - diluído em horas)
74,97 (diesel para a hora)
50,00 (seguro - diluido em horas)
15,00 (IPVA - diluido em horas)
10,00 (seguro obrigatorio - diluido em horas)
10,00 (manutenção preventiva - diluida em horas)
--------------
212,53 por hora de funcionamento.

Levando em consideração que meu ônibus transporte nessa hora, 100 pessoas, o custo da passagem teria que ser de R$ 2,12 para não gerar prejuízo e sem gerar lucro, certo?

Se nessa mesma hora, o numero de pessoas transportadas fosse 150, o custo da passagem seria de R$ 1,41.

E se fossem transportados 200 passageiros, o custo da passagem seria de R$ 1,06.


Agora vem a grande questão. Se eu fosse um operador autorizado pela URBS e recebesse por passageiro transportado, receberia 2,50?

Então, se eu recebesse 2,50, e transportasse 100 pessoas, receberia 250 reais, ou seja, 17,63% a mais que meus custos operacionais.

E com 2,50, transportando 150 pessoas, receberia 375 reais, ou 76,44% a mais que meu custo.

E ainda em 2,50, transportanto 200 pessoas, receberia 500 reais, ou 135,26% a mais que meu custo.


Sei que a URBS paga para as empresas por KM rodado. Mas, se existe uma planlha que demosntra as contas, porque nós, jornalistas ou comunidade em geral não vemos essa planilha?

Dizer que está no vermelho é dizer que nós estamos no vermelho?

Mais uma conta básica.

Levando em consideração que temos 1300 ônibus rodado por dia, teríamos um custo de 4.973.202,00 reais, nas contas que fiz. Com a passagem custando 2,50 e tendo em média, 1.250.000 pessoas transportadas, temos um receita de 3.125.000,00 reais. Quem está pagando essa diferença? Papai Noel ou o coelhinho da páscoa?

Tem algo muito errado nisso tudo e precisamos de uma vez por todas saber o que é.

TRANSPARÊNCIA JÁ, E SEM AUMENTO ATÉ JUSTIFICAR!!!

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Olá 2012!

Já sem a mesma acidez, a revolta e até o amargor de um jovem recém saído da adolescência, fiz uma reflexão nesta passagem de ano. Poucas canções (aliás, elas nunca fizeram tão parte da minha vida como agora) expressam com tamanha precisão o que penso dos relacionamentos do ser humano. Recomendo para quem não conhece. Queira bem a todos, mas mais ainda quem também lhe quer bem. Não reclame dos que você amou e que não te amaram. Nem dos que passaram, mas não marcaram. Nem dos que você queria contigo e que se foram. Seja feliz como der, com quem der e como quiser. Feliz 2012.

A Lista - Oswaldo Montenegro.

Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais
Faça uma lista dos sonhos que tinha
Quantos você desistiu de sonhar
Quantos amores jurados pra sempre
Quantos você conseguiu preservar
Onde você ainda se reconhece
Na foto passada ou no espelho de agora
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora
Quantos mistérios que você sondava
Quantos você conseguiu entender?
Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber
Quantas mentiras você condenava
Quantas você teve que cometer
Quantos defeitos sanados com o tempo
Eram o melhor que havia em você
Quantas canções que você não cantava
Hoje assovia pra sobreviver
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você