quinta-feira, 3 de maio de 2012

Friozinho bom esse...

Eu particularmente adoro o frio. Tá certo que quando eu tinha 15 era mais fácil de assimilar o frio e agora, com quase 35 parece que as mãos e os pés demoram um pouco mais para esquentar, mas ainda assim, adoro o frio. Nasci num lugar que, quando fui conhecer, fez incríveis -5º C e a água congelava formando estalactites de água no telhado.

Mas na política a coisa é diferente. Estamos em ano eleitoral e eu moro numa cidade onde o ano eleitoral é o melhor ano para os habitantes. É uma farra do asfalto (sem vergonha que não vai durar mais que um ano), é a farra da saúde pública, é a farra dos aumentos para os professores e por aí vai.

Isso me faz pensar em mais uma coisa, daquelas muito chatas: você presta atenção em quem é o candidato a vice quando você escolhe votar num candidato a prefeito? Pois bem, a história recente demonstrou que precisamos fazer isso. Se não, corremos mais uma vez o risco de ter um outro ducci por aí. E, se um foi pouco, dois pode ser ainda pior, não é mesmo?

Aliás, não que o prefeito tenha sido ruim o tempo todo, ele só foi pior enquanto não trabalhou, enquanto ficou apenas fazendo política. Na hora certa, ele sabe muito bem o que está fazendo. Asfalto e outras obras, poderia muito bem terem sido feitas ao longo desses dois anos. Mas não, o povão não iria lembrar, não é mesmo?

E ele tem razão, o povão não lembra mesmo. Aliás, em quem você votou para vereador em 2008, você lembra?

Eu lembro tão bem que sei que nunca mais votarei nele, até porque esse ano, eu já fiz minha escolha.

Pense bem, se bem que 1 voto não muda nada. Mas pelo menos, você pode se sentir com a sensação de dever cumprido, certo?

Vamos ver no que vai dar.. Tanto o frio, que parece ter chego para ficar quanto a gastança do prefeito em ano de eleição...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!