quinta-feira, 21 de março de 2013

O doce sabor de ajudar...

Pois bem, nobre leitores. A pauta desse texto foi passada por minha esposa e assim sendo, se eu não executasse, a dona Márcia cortava meu saco fora. E no fundo, tornou-se muito mais pertinente a discussão que eu gostaria de gerar do que eu poderia imaginar.

Então que, no local onde ela trabalha, a adesão do pessoal na campanha da páscoa solidária, não foi assim, o que era esperado.

Essa campanha, foi marcada no seu lançamento pelo evento que você pode conhecer clicando aqui, e tem como objetivo proporcionar para crianças que não tem condições e coisas e tal, o recebimento de doações em chocolates para que a páscoa não passe em branco. Ou seja, doação de chocolates.

E aí, começa o meu questionamento. No texto, é possível observar que dentre os apoiadores, são destacadas os supermercados  Big, Mercadorama, Walmart, Tododia e Maxxi Atacado - que pertencem ao mesmo grupo. E, nesses mercados, você é convidado a participar da campanha.

Mas, você é convidado a doar uma caixa de bombom, se não me engano. Nesses mesmos mercados, a caixa de bombom, custa hoje, véspera de páscoa, mais do que custava antes dessa época e para quem quer doar para as crianças, o preço é o mesmo. Me parece injusto que, os supermercados citados e todas as outras empresas apoiadoras, lucrem (e muito) usando essa bandeira da doação.

Se vivemos o momento da páscoa, porque os mercados não abrem mão do lucro sobre as caixas de bombom ou chocolate que fossem direcionados para essas doações? Não estou propondo que o supermercado deixe de ganhar, mas que ele ajudasse nessa doação: o cliente compra o chocolate - sem o lucro do mercado e juntos, clientes e supermercado - ajudam fazer uma criança feliz (e com cáries).

Simples.

CAIXA DE BOMBOM = 6 REAIS
CAIXA DE BOMBOM = 4,5 (SEM LUCRO DO MERCADO)

CLIENTE COMPRA CAIXA DE BOMBOM SEM LUCRO
 +
 MERCADO FELIZ
=
UMA CRIANÇA FELIZ

Vou usar uma expressão que aprendi em casa com o meu pai: gozar com o pau dos outros.

É isso que essa rede de supermercados faz, ganha positivamente em imagem, pois as pessoas associam a rede com boa vontade, com ajuda ao próximo ao mesmo tempo que ganha com o lucro que coloca sobre os produtos que os clientes compra para doar.

Sinceramente, até acho a campanha interessante, mesmo achando que comemorar a páscoa com chocolate é apenas uma questão de mercado, mas vá lá. Porém, vamos parar com essa demagogia de alguns e tentar, juntos, fazer um futuro melhor para todos.

Só vou doar quando os mercados, supermercados, fizerem sua parte. Do que recebo, já preciso deixar quase 40% em impostos, taxas e coisas assim. E ainda assim, preciso fazer doações para me sentir bem?

Me desculpem, mas isso não está certo.

Desconto já!


Rema o bote!!!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!