segunda-feira, 8 de abril de 2013

Quando minha burrice se supera...

Cresci viciado em computador e cigarro. A bebida até que não me faz muita falta, mas eu gosto dela também. Mulheres, ah, a esse gosto da vida, reservo minha Márcia, e só ela já está mais do que bom. Entre os meus vícios o que eu hoje ainda alimento com maestria é o computador e tudo a ele ligado.

Por exemplo, não vou a um banco para sacar dinheiro há muito tempo. Pagar uma conta então, só pago o maldito licenciamento anual porque esse não tem como pagar em qualquer banco que não seja o maldito, ineficiente e chato, BB. Ainda bem que é 1 vez por ano e só.

Mas é fato que, a tecnologia quando não operada com a devida atenção, pode gerar alguns problemas. Eu, por exemplo, me ferrei com um simples detalhe que até agora, não consigo sequer imaginar porque é que o fiz: paguei uma fatura de agosto, no mês de fevereiro. E a de fevereiro, está, claro, constando como "em aberto" e gerando juros.

Os boletos, referentes as mensalidades da escola dos meus filhos, ficam disponíveis num sistema que, ajuda pouco mais ajuda. É um sistema confuso que disponibiliza os boletos de uma forma pouco convencional, mostrando listas em ordem decrescente, começando pelo mês de dezembro até chegar em janeiro. Porém, é justo dizer que ruim com o sistema, pior sem ele, já que antes, eu precisava esperar os boletos chegarem para realizar tão procedimento. E eles vinham pelos meus filhos.

Fato é que, na verdade, o que eu pago mensalmente, é uma "anuidade" dividida em 12 parcelas. Dessa forma, se eu paguei a parcela de agosto em março, seria apenas um detalhe. Mas não é e eu, já estou devendo mais de 11 reais de juros. Ou seja, por um erro IDIOTA, corro o risco de ser jogado para uma empresa de cobrança que vai ficar me ligando até que eu pague, o que não sei ao certo quando conseguirei fazê-lo, se não, apenas em agosto.

Dessa forma, fica o alerta para aqueles que se utilizam de sistemas: CUIDADO.

Percebam as datas, as ordens e tudo mais. Quem adianta uma parcela, paga igual, pois não há 1 centavo de desconto, mas quem paga atrasado, tem que pagar juros.

Melhor seria se eu pagasse a anuidade 1 vez por ano, mas nunca me sobrou dinheiro para isso.

Vamos ver, a escola disse que vai tentar me dar uma força, vou esperar para ver o que o "sistema" vai determinar...

Rema o bote...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!