sexta-feira, 13 de setembro de 2013

De novo sexta-feira...

Pior dia da semana para mim, depois de toda quinta-feira, vem a sexta. E meu lamento começa, mas também, logo termina, afinal, hoje é sexta-feira.

Hoje não lançarei desafios até porque nossos nobres políticos, salvo alguns enganos, estão se cagando para mim, para os desafios e para os cidadãos dessa cidade. Dos 39, entre 5 e 9 costumam responder, o resto, quer mais é que o povão esvazie o aeroporto e fiquem em suas casas, rezando para que tudo um dia dê certo, mas, sempre tem um mas, mas... que em 2016, votem nesses mesmos candidatos. Política virou uma grande profissão para os demagogos e babacas.

Vou apenas pegar um gancho no texto do nobre Dudu, que agora voltou a caminhar e postar suas fotos: oportunismo.

Veja, no dicionário online www.dicio.com.br - oportunismo é descrito como:

"Significado de Oportunismo

s.m. Atitude daqueles que preferem contemporizar, para atingir um fim, aproveitando-se das circunstâncias oportunas.
Sistema ou prática política, que consiste em aproveitar-se das circunstâncias ou acomodar-se a elas para tirar proveito."

Ou seja. Poderíamos muito bem dizer que tem gente se aproveitando de uma CPI para aparecer e que na verdade, todos sabemos, vai terminar numa pizza gigante de ligeirinho com rodelinhas de estações tudo e um molho delicioso de óleo diesel, atolados todos esses em uma cavidade minha e sua que não pega luz.

Este oportunismo é tamanho que, agora, os nobres vereadores determinaram que para caçar um colega condenado, o voto terá que ser aberto. Eles perderam essa boca? Não, eles ganharam em exposição na mídia, porque agora, sempre que preciso, vai ter um monde de cagalhoto dizendo que votou contra o ladrão para moralizar a coisa. Oportunismo, barato, diga-se de passagem.

Aí o cada me encontra na rua e diz:

"- LG, vão não acredita mais na política, não acredita mais que tudo possa ser melhor, você é pessimista!"

E aí, eu respondo para o cara:

- Eu acredito na POLÍTICA, mas não posso mais acreditar nos POLÍTICOS. Não é a política que é corrupta, são Eles. Não é a política que é ineficiente, são Eles. Não é a política que mente para mim dizendo que vai construir um novo terminal de ônibus do capão da imbuia, são Eles.

E sim, eles não tiveram meu voto e não terão novamente. E minha campanha para que outras pessoas não vão votar, vai continuar, é direito meu não ir e pagar a multa depois, esse ano, foram 3,57 R$ + 2 VT´s. Susse, fiquei o domingão todo em casa.

Não vou fazer apologia ao até de não ir votar, mas vou dizer sim que fiz e não me arrependo.

Sim, hoje é sexta-feira, estou um pouco triste, um pouco para baixo, mas ao pensar na política, vejo que fico ainda pior... Para finalizar, eu DIGO NÃO AO VOTO OBRIGATÓRIO.

Bom findi para todos e que consigamos ser menos oportunistas que nossos nobres semelhantes vereadores, deputados, senadores, prefeitos, governadores enfim, Eles.

Rema o bote aí, moleque!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!