sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Leis para que???

Mais uma vez vou abordar essa temática, vez que, é horrível perceber que muitas vezes, parece que só eu cumpro leis. E nessas horas, além do desânimo, bate uma vontade loca de jogar tudo para cima, tocar um foda-se e assim, me tornar um brasileiro nato. Dá vontade de sair comprando CD´s e DVD´s piratas, dirigir feito loco trocando de faixas e buzinando a todo instante, enfim...

Escrevo isso porque ontem, estacionei meu carro em curitiba. Fiquei 1h49 minutos parado, num estacionamento em que a hora custa 6 reais. Ele funciona 24 horas e não havia informação, nem escrita e nem verbal de que a hora depois de determinado horário era ou não mais cara.

Numa conta básica, se 1 hora é 6 reais, 1h49 custariam, pela lógica maldita da matemática, 10,89 R$.

Mas, não, o atendente apenas disse: 15 reais.

Opa, questionei ele, há algum erro.

Não, para ele foi isso mesmo e pasmei a hora que pedi um nota, ele me deu um recibo e ainda no valor de 20 reais.

Até onde sei, os vereadores meteram o dedo nos estacionamentos de Curitiba, mudando regras e impondo questões que segundo eles, fariam com que a coisa ficasse mais transparente. Mas acho que não, heim...

Enfim, mandei uma reclamação ao estacionamento, esperando uma resposta em até 72 horas. Se não houver resposta, publicarei aqui a negativa deles, com a história mais completa, nome e endereço do estabelecimento. É meu direito como cidadão e meu dever maior como jornalista.

Creio que chega de abusos, já estamos apanhando de todos os lados e isso está me cansando.


Na medida, vou informando. E não é só pelos 3 reais ou pelos 4, 10. É pela honra e pela dignidade de não ser roubado em quase tudo que faço...

ATUALIZAÇÃO: 10/10/2013

Ontem, voltei ao estacionamento, e fui recebido pela Adriana que além de se desculpar, ainda mostrou que o registro no sistema estava certo, e que a má fé foi do funcionário...

Tudo foi resolvido, aceitei os pedidos de desculpas, recebi o valor cobrado indevidamente de volta e vamos falar a verdade.

Apenas a resposta da Adriana já seria válida. 

Mas o estacionamento, Fast Park se mostrou uma empresa de grande valor ético, pelo menos para mim até agora, e de grande valor.

Foram responsáveis, cordiais e aceitaram minha crítica. 

Se volto? Com certeza absoluta.



ATUALIZAÇÃO: 09/10/2013

O estacionamento entrou em contato, a tarde confirmo o nome da pessoa, me chamaram lá para mostrar que o cálculo foi feito errado mas que no sistema constam os horários que citei aqui. Me pediram também desculpas e irão me repassar o valor da diferença cobrada.

As vezes, as pessoas/instituições  não são más, mas não sabem bem o que ocorre. Por isso, é preciso falar, reclamar, informar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!