segunda-feira, 4 de novembro de 2013

F.O.D.E.U de vez...

Certo dia, recebi pela 843ª vez um texto que até hoje não sei se é dele ou não, mas que é sempre atribuído ao Millor Fernandes, que trata de palavrões e de como eles auxiliam nossa vida. E é bem isso que tem acontecido nos ultimos meses, principalmente quando meu salário vai para o banco e este, por sua vez, consegue achar muitos lugares para, depois de fracionar meu salário, enviar todos os centavos que insistem em não sobrar.

E aí, eu abro minha página do banco, tudo está vermelho, diz aí, e eu solto um belo e sonoro . E não tem outra palavra que expresse com maior exatidão o momento.

Não sei quantos leitores do DLQ.com.br chegarão assim no dia 30 de novembro, mas depois de três anos em que pude utilizar 1ª e 2ª parcela do 13º salário como bem quis, em 20(13), a primeira será usada para pagar contas e a segunda, se tudo der certo, será usada para pagar ainda mais contas. Se tudo der errado, é porque antes da 2ª parcela, já terei distribuído alguns cheques para garantir o sossego a noite, ao dormir.

Que muito estão em situação parecida eu até sei, não sei ao certo em que ponto e medida. Mas sei que hoje, ao fazer minhas contas, ao perceber que o carro bebe mais que o dono e que um pãozinho aqui e um queijinho ali, além de um pastelzinho fora de hora, me fizeram quase que gritar um belo e sonoro:

F.U.D.E.U. DE VEZ!

Eu sei que vivemos num país sem inflação e numa economia mais do que estável mas, mesmo mantendo basicamente o mesmo padrão que vinha mantendo nos 3 ultimos anos, o dinheiro não deu e a coisa desandou. Tudo infelizmente está custando mais do que antes e para piorar, outros fatores estão elevando essa conta numa calculo que se não fosse o 13º, que queria eu usar para viajar...

Então, perdão, mas

F.U.D.E.U. DE VEZ!

Quem sabe, ano que vem, na copa do mundo, a coisa não fique ainda melhor?


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!