terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Acabou!

2016 já era. Faltam poucos dias e nem vale mais a pena pensar que esse ano pode ser diferente. Acabou assim como aquele refrigerante gostoso que você está tomando e no ultimo gole, percebe que já era.

2016 foi intenso, mais no noticiário político do que em qualquer outra área. Tivemos queda de presidente, aumento de preços, desemprego, desaceleração da economia e tudo mais que poderia acontecer nesse cenário.

2016 foi um ano repleto de coisas. Tivemos as olimpíadas que confirmaram que o brasil está crescendo no esporte mas precisa crescer ainda mais. Invasões nas escolas nos mostraram que os alunos, que já estudam pouco, pouco sabem sobre o que fizeram e porque fizeram. De todos os estados alguns poucos tem dinheiro para manter a estrutura básica e o que dizer dos que nem isso tem mais? Tem estado em que as pessoas de bem estão fazendo doações aos funcionários públicos. E aí, vai fazer concurso? Escolha bem o estado!

A internet tem ganho a cada dia mais e maior importância na vida das pessoas e isso choca. Verdades são criadas, mentiras são renovadas e o povão, compartilha no zap zap. Proliferando as informações danosas...

Cada dia que passou desse 2016 foi uma surpresa, não é mesmo?

Algumas doces, outras amargas, mas assim a vida segue...

Que venha o 2017 que está aí, batendo a porta.

Que seja um ano de muitas realizações para todos nós e que seja um ano melhor!

Que a economia fica mais aceleradas e percamos menos;
Que nossa saúde se mantenha firme ou melhore para os que precisam dela;
Que tudo seja de melhor e que, todos tenhamos paz em nossos corações.

É o que eu desejo para os que ainda leem esse blog e para o nobre Dudu, Gê... Que em 2017 possamos mantê-lo vivo e quem sabe, até mais atualizadinho...

Abraços e FELIZ 2017 PARA TODOS!

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

o ano está acabando...

e quem achou que seria um ano de novelas, seriados e outros produtos da industria cultural, ledo engano, heim? 16 para os íntimos ou 2016 para os mais conservadores foi o ano da imprensa, heim, concorda?

Nunca antes na história desse brasil, como diria o lula-lá 51, percebi a imprensa marrom do meu basil trabalhando tanto. Repórteres dos mais diversos meios em brasília, curitiba e quando achamos que estava tudo calmo, uma tragédia leva vários para o túmulo e tantos outros para a cobertura dos colegas, de forma triste, mortos.

Eu que sou um jornalista por formação quase me arrependi de não ter tentado seguir essa profissão. Mas eu realmente não tenho estômago para tudo isso, tenho a certeza que mesmo vivendo esse 2016 não aproveitaria da forma mais legal do planeta. Alias, será que algum dos que lá estão aproveitaram?

Confesso que preferi ficar curtindo de camarote tudo isso.

Porém, nem apenas das empresas de comunicação é feito o jornalismo hoje em dia, né!

Foi lindo de ver que na internet, comentários e opiniões rolaram soltas. Cada verdade que aparecia me surpreendia ainda mais... Hoje ouvi que só poderemos nos aposentar quando a soma chegar a 127... ou seja, além de uma imprensa cada vez mais, sei lá que cor, temos que conviver com as verdades não convenientes que qualquer um com um computador ou celular pode criar e assim por diante.

Triste?

Não, alegre, divertido, para dizer a verdade extremamente hilário tudo isso.

Até que ponto vamos chegar?

Não sei, mas se antes o problema era a falta de informação, benza deus me leve de volta, agora, o excesso de informação vai levar essa nação sabe lá para onde... Alegria, galera, vamos que vamos.....


Abraço....

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

tudo nessa vida passa, mas algumas coisas insistem em ficar...

Sabe aquela expressão de que tudo na vida é passageiro? Pois bem, é fato e assim continuará sendo. Mas tem coisas que o tempo nunca apagará, e no Brasil, os exemplos perniciosos não deixam de existir. Ou seja, tem uma espécie, que nunca deixará de existir. Ela não é e nunca será apenas "passageiro", é eterna! Sim, falo dos políticos.

Pois eles são a pior parte da escória da sociedade e por favor, não me venham com aquelas alegações de que nem todos são tão podres e que tem coisa boa no meio da coisa ruim. Não, eu não consigo acreditar, porque o poder e o dinheiro mudam a cabeça de qualquer um. Você já ouviu alguém dizer que se tivesse lá, teria que fazer igual ou que por prazer, faria, né?

Eu já!

Por isso, tentei entrar e já saí muito rápido, porque não quer fazer parte de toda essa podridão que existe.

Agora, que o ministério público, procuradores, juízes e nossa excelente polícia federal estão trabalhando arduamente para colocar os canalhas na cadeia, eles inventaram de trabalhar e trabalhar para eles mesmo ou seja, agora, eles criam leis para ainda mais se autoproteger. Sabe o que é isso?

É o início dos novos tempos no brasil. Antes, roubar era feito, e poderia dar alguma coisa, mas agora, roubar vai ser comum e não vai dar nada para eles. Mas você, leitor, se precisar de uma arma para reagir a um assalto, vai para a cadeia e lá ficará. Tem certeza que seu voto valeu a pena? Hahahah bom, eu não votei, devo 8 reais para a multa e um dia pagarei.

A vida é assim, quem manda, inventa as regras e faz da forma que quiser, quando quiser e para quem quiser. Acho muito parecido com o que é feito nas religiões... Já observou que tem igrejas que batizam os recém nascidos? Sabe porque razão? Porque ele não pode se defender e assim sendo, cresce com medo.

Existe uma diferença: nós somos criados para não reagir, para votar mesmo não tendo candidatos que prestem e que precisamos estudar, mas apenas o que é ofertado nas escolas, que são controladas por eles.

Vai mudar?

Vai sim, para pior, tenha certeza disso!!!

Inté, abraços!

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Vamô nessa!!!

Bom, hoje é sexta-feira e em um novo movimento de tentar escrever aos leitores, cá estou eu. Gente, e pauta é o que não falta. Desde o início do ano eu tenho dito que com relação ao impeachment eu era contra. Não que eu tivesse qualquer gosto pela dilma e seus petistas, não é isso, mas, que a coisa não iria melhorar com a saída dela, não iria e não está melhor. Nem quero saber quanto tempo já se passou desde que a plastiquinha saiu, mas que o Brasil está indo de mal a pior, isso, quem tiver uma informação contra, me apresente.

Até agora, a corrupção tem sido pauta de muitos dos grandes jornais, dos tendenciosos aos vendidos mesmo.

A ultima foi um ministro que queria o prédio onde ele comprou um apartamento pronto num lugar que não poderia pois o local é tombado pelo patrimônio. E aí, o que fazer? Fácil, fácil, usa sua influência. Tudo bem até, se fosse pelo bem de toda uma nação, mas, para benefício próprio? Tá, eu sou muito burro de acreditar em um mundo de fantasias, mas não é esse o caso.

E como não há o que "Temer", vamos lá, continuando o que todos os anteriores já fizeram, mas que pelo menos não deixaram rastros.

Acredito hoje, que, desde 1500 a corrupção está instituída no Brasil e talvez por isso é que nosso povo tem ela tão presente no dia a dia que, nem se dá conta, a não ser é claro quando se tratam de políticos. O que eu quero dizer com isso? Sabe quando você pede para um parente ou amigo ajudar a conseguir uma vaga num hospital que tem fila e você acaba furando a fila? Pois é!

Sabe quando você compra aquele aparelho de TV que tem todos os canais de graça mas que na empresa que paga impostos e tem funcionários custa 300 pila? Pois é...

Sabe quando você vai fazer uma conversão numa esquina que tem sinaleiros, e, ao acaso você repara que tem um posto de gasolina e resolve cortar pelo posto de gasolina sem se preocupar se isso é joinha ou não? Pois é!

E aquele windows piratão? Pois é, ele custa uns mil reais, né... E você tem ele de "gratis", na "faixa"? Pois é...

Que esperança eu posso ter, vendo isso a cada dia que passa e percebendo que apenas os políticos são ditos como responsáveis pela corrupção?

Gente, precisamos mudar, pois se não mudarmos, vai ficar ainda pior. Pois os valores que estamos passando para nossos filhos são esses e claro, eles vão se aperfeiçoar, e assim ficarão cada vez melhores justamente no que tentamos combater hoje em dia!

E como sair dessa?

Não sei, acho que não temos saída não...

Em tempo, posso dizer que de tudo que tenho visto ultimamente, as coisa não mostram possibilidade de melhora não!!!

Vamos seguir, e se der com fé, pois para muitos, a fé não costuma falhar!

Fui...

quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Segunda-feira de novo é sacanagem

Já não bastassem as nabas que colocam cu a dentro, dia após dia, agora precisamos engolir mais uma segunda-feira na semana. Pois é, essa quinta-feira tem cara muito mais de segundo do que de quinta e vamos lá, o tempo não para e precisamos continuar. Logo seremos governados novamente por Rafael Greca e não espero nada, a não ser que a coisa continue essa M que está. Aliás, até quando seremos obrigados a aceitar situações como esta:

CENA 1: GOVERNADOR MIMADO BABACA / DIA / EM SEU GABINETE (Usar objetos de cena como bandeira do estado, caneta emblemática, cadeira de couro e estante com livros)

Vou acabar com essa integração, esse prefeitinho de merda vai ver, vai sentir o poder de minha caneta.

CENA 2: PREFEITO / DIA / SEU GABINETE

Deixa pra lá, esse governadorzinho de cocê está blefando, ele não vai acabar com a integração!

CENA 3: REPÓRTER / TELEJORNAL / TV IMPRENSA MARROM - Lê notícia no TP pois precisa ser assim

Com candidato do governo eleito, governador anuncia que retomará a integração do transporte coletivo. 


Entenderam a ideia?

Isso poderia ser roteiro de um filme trash, mas trash mesmo são as situações em que estes políticos nos fazem enfrentar no dia a dia. Lembra no nabo inserido cu a dentro? É mais ou menos assim, até tem gente que gosta mas a maioria acha no mínimo desconfortável pear na ideia. Mas é o que justamente acontece.

Brigas entre governantes por dissidências partidárias, pessoas, emocionais e amorosas fazem com que os governos governem para si mesmos e não temos qualquer ferramente regimental que nos impeça isso. E não me venha dizer que o voto é uma ferramenta pois ela não é e você que está lendo este texto sabe que no fundo, não é mesmo!

Afinal de contas, com tanto dinheiro rolando, como o voto seria válido? E não estou falando de dinheiro em espécie não, estou falando (escrevendo) das ferramentas que os dinheiros usam como líderes comunitários, presidentes de associações de bairro, líderes estudantis, nomes de peso como vereadores já estabelecidos e os famosos comerciantes que, de alguma forma, agrupam votos para políticos profissionais.

Existem 1 trilhão de exemplos em curitiba, não vou citar um pois a chance de aparece morto é bem grande, mas que tem, isso tem.

Porém, o que marcou muito nos ultimos dias foi justamente o fato do governador demonstrar por suas ações que o povo se fudeu (desculpa o termo) com as integrações do transporte coletivo justamente por causa de questões políticos/partidárias.

Ficou feito mas a imprensa não deu sequer 2% da cobertura que deveria ter dado! Infelizmente...

É isso, vamos que vamos, nessa segunda segunda-feira dessa semana, que, quera acabe logo!!!

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Tamo fu....

Aliás, estávamos fu já antes de domingo, agora estamos talvez tão fu quanto antes. O greca ganhou e agora, aquele circo de promessas não será cumprido de qualquer forma e ficaremos a ver navios novamente. Eu até tentei acreditar nos dois, mas a campanha foi tão baixa, tão nojenta que não consigo sequer acreditar em qualquer uma das promessas do rafael.

Numa delas, ele disse que em 180 dias fará a saúde ser não ser o que e que não sei o que mais, enfim, muito político para pouca ação. E não tem para onde correr no brasil inteiro vai ser assim, só mudam os nomes e os biotipos o resto é igualzinho. Não acredito mais nem sequer na possibilidade de mudança. A mudança esta cada vez mais longe de acontecer.

A unica coisa que me deixou animada é que, dos 1289204 eleitores de curitiba, 259399 não aparecerem para votar... Descumpriram de forma deliberada a sua obrigação democrática de ir votar e eu, que já separei meus 7,02, fui um deles. Sair de casa para ir votar? Nessas porcarias? Nesses nojentos? Não né...

Quero muito que sejam bem felizes com seus super salários, mordomias e coisas que o valham, quero que brinquem de me ferrar e eu brincarei de rir disso tudo e dizer que está de boa... Quero que continuem vivendo essa vidinha escrota que escolheram ter e que eu, um dia pensei que poderia fazer parte, ainda bem que eu não fiz!

Ser político é abdicar, em minha opinião, de nosso caráter. E meu caráter eu nunca abrirei mão, pois é algo que precisa ir comigo para o túmulo.

Eu, como cidadão comum já não compro televisão pirata, não ultrapasso pelo acostamento, não tiro vantagem dos semelhantes, e dessa forma, não seria na política que eu iria mudar.

Mas seja quem for que ganhou, tenha a certeza de que el não fará nada por por você... Tudo que fizer será visualizando os 4 anos a mais que poderá ficar depois deste mandato e para trocar favor com todos que ajudaram ele em sua campanha (padrinhos, colegas, e claro, o Ducci vai aparecer em alguma secretaria, heim, guarde o que estou escrevendo)...

Mas e isso, vamos que vamos e bola pra frente. Curitiba já tem um novo prefeito e não há mais o que fazer... É o que sobrou... o Bagaço da laranja!!!

Fui

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Está decidido...

Está decidido e você tem que escolher o que fede menos. Domingo é dia de eleição e assim será, afinal de contas vivemos num país em que, "democraticamente somos obrigados a votar". Sim, isso faz parte do circo da democracia que no brasil, se cobrir vira circo mesmo, se cercar vira um zoológico e se puxar a descarga, entope a privada.

Os merdas estão por aí, boiando e tentando me convencer a escolher um deles. Não, não escolherei, já até separei os 8 reais para pagar as multas e arcar com minha decisão de não me deslocar a minha zona eleitoral - em tempo, zona - putas - o que esperar?

Nem Ney nem Rafael conseguiram me convencer de que merecem meu voto. Engoli seco tudo o que falei dos dois pois achei mesmo que seria tudo muito diferente e não foi. O circo dos horrores de acusações, de ofensas foi tão mesquinho e medonho que não consigo acreditar até agora que tenha acontecido. Não em curitiba, mas afinal, nem mesmo essa cidade é igual ao que já foi um dia. Vivemos um caos urbano também nojento e que não terá fim. Nunca terá...

Mas não é somente isso.

A sociedade em geral está sistematicamente perdendo sua capacidade de vida em sociedade. Estamos cada vez mais intolerantes com os nossos semelhantes ao ponto de estarmos criando subgrupos com privilégios específicos para cada um deles.

Nem citarei para não dar problema com seus representantes, mas é fato. Por não sabermos como lidar mais com isso, criamos muletas que nos levam mundo afora e com essas muletas nos sentimos mais ou menos amparados. Isso é ridículo.

Certa vez, analisei por alguns instantes sobre isso e desisti. Assim como tento passar para meus filhos que as coisas tem que ser diferentes, eles percebem que lá fora, é tudo muito igual e aí, como enfrentar esse dilema maldito? Não há muito o que fazer.

Quando alguém me fala sobre o famigerado fim do mundo, agora, no alto dos meus quase 40 anos, consigo observar que o fim do mundo não está próximo, mas quem sabe o fim de uma grande parcela da humanidade que não consegue coçar o próprio cotovelo sem se preocupar com o cotovelo alheio.

Tipo assim, quer se preocupar comigo ou com o que eu faço, pague minhas contas. Se não quer pagar, pelo meno me respeite como igual e cidadão o resto, é com você mesmo, não é. Vizinhos, motoristas, motociclistas, taxistas x Ubers, coxinhas x vermelhos... Cada cachorro que lamba a sua caceta, por favor, mas que todos, na hora de dar um barrinho, que o faça nos sanitários.

E que assim seja...

Voltando a curitiba, triste essa cidade que vai ter que decidir entre tão ruins candidatos.

Minha campanha solitária e ímpar é: nem ney nem rafa... quem sabe branco ou o famoso nulo...


Abraço e bom final de semana...


quinta-feira, 20 de outubro de 2016

A mais linda campanha fundo de fossa para prefeito que já vi

Bem, o título desse texto não deveria ser bem esse mas é que a coisa está tão fedida, tão nojenta que tentei ser o mais leve possível. Minha vontade era de ofender a mãe dos dois candidatos de forma literal e explícita, mas vou pensar na minha mãe e na educação que ela me deu para continuar a escrever. Quem lê este blog sabe que o momento mais importante do ano para mim, foi quando o careca perdeu a vaga para a prefeitura já em primeiro turno. Perdeu e a derrota foi linda.

Nunca acreditei que isso pudesse acontecer, embora tivesse minhas esperanças...

Sendo assim, gustavo, fruet, tavinho da mamãe, cicloprefeito, ciclofruet, qualquer coisa assim já é assunto do passado. Por mais que ainda faltem 2 meses completos e mais alguns dias para finalizar o mandato dele, ele não fez bosta alguma para o povo em geral durante 3 anos e tantos, agora, vai dar na mesma... Ele que continue a limpara a casa ou ajustar a parte interna... Não fará falta...

Não fará falta?

Modo minha língua, idiota que sou...

Acho que infelizmente fará falta assim...

Porque digo isso?

Simples:

Ney, Rafa - o que escolher?

Talvez, dos dois uma passagem só de ida para Pinhais ou qualquer outra cidade que não eja o Rio de Janeiro fosse o melhor botão verde para apertar. Não que eu tenha coisas contra os dois candidatos, não tenho, mas se considerar as duas campanhas, sinto ânsia de vômito!!!

Vomitar seria pouco...

Uma campanha mais suja que merda, mais fedida que cocô, mais imunda que pau de galinheiro (quem nunca viu, corra atrás)...

Os ataques, partindo de ambos lados, estão cada dia mais escrotos. Deixaram a discussão política para trás. O mais novo e o mais velho se ofendem de forma inconsistente com a racionalidade humana. Se ambos temem a deus, devem ter esquecido disso, pois não tem mais respeito.

Mentir, desrespeitar, ludibriar... Ofender, criticar sem poder fazer melhor, enganar...

Como sempre, a política paranaense não decepciona e cria essas situações desmoralizantes.

Sempre foi assim. Desde pequeno lembro-me bem de uma campanha que assistia na teve, que mostrava uma caricatura de um candidato (não lembro que era) e enquanto um o outro candidato falava em off, o nariz ia crescendo. Era até bem humorada para uma criança, como eu, mas hoje em dia sabendo que esses senhores filhos de boas mães vão me governar por 4 anos, e a exemplo do que está saindo podem ser tão ineficientes quanto um prego num pacote com milhares de pregos, podem ainda ser piores do que o que hoje aí está.

E nessa hora, o meu voto perde a graça e todo esse lixo que tenho ouvido no rádio, recebido na janela do meu carro nos semáforos e assistido na televisão, me preocupa muito mais do que qualquer outra coisa.

Tenho filhos, temos filhos, família e uma vida pela frente e esses governantes são os que vão nortear tudo por 4 anos, pior, podem ser até 8 anos... O carequinha não conseguiu o bonus, mas é outro assunto para outra hora...


Enfim, se puder, não escolha mas se escolher, escolha o melhorzinho entre os dois piores que sobraram.


Abraços...


ps.: quem me conhece sabe bem que eu até tinha escolhido, mas depois desse segundo torno escatológico, não, não tenho mais escolha, eu escolho não escolher!

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Medo...

Você que está lendo esse texto, blog algo assim, tem medo de alguma coisa?

Eu tenho. Meus maiores medos são em ordem:

1 - ficar cego (e por mais irônico que pareça, a cada ano que passa perco um pouco a capacidade, mas ainda vejo tudo)

2 - aranhas, mangavas, baratas;

3 - mórmons em geral.. tenho muito medo deles;

4 - medo de falar em público (sou tímido pra carvalho).

Enfim, o que eu listei são os principais. E como você lida com seus medos?

Bom, eu não lido com eles e talvez seja o meu problema. Eu sempre lembro deles quando algo acontece, como hoje quando uma mangava entrou na sala onde trabalho e me fez pular da cadeira e sair da sala.. então, talvez seja realmente meu erro e assim sendo, medo é medo, cada um tem o seu e eu vou respeitar o dos outros.

Mas não é legal sentir medo não, é uma coisa meio chata mas tudo bem!

E você, tem medo de que?
Como você lida com seus medos?


segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Segunda-feira

O ultimo texto, tinha como título Sexta-feira... Bom, hoje é segunda-feira então, nada menos criativo que usar como título a Segunda-feira. Para muitos, o dia mais traumático da semana e para outros poucos, como eu, o melhor dia da semana. Sim, o melhor, pois é ele que determina como será minha semana e se isso realmente der certo, esse semana vai ser no susto pois foi assim, acordei no susto, atrasado e tudo mais...

O pior nem é isso, mas comigo se atrasou também meu filhote. Depois disso, tem o trânsito que fica completamente insuportável quando saio mais tarde de casa. E o inevitável atraso que gera em todos os outros momentos, por curiosidade ou sei lá o motivo.

Mas, no carro, trânsito parado, claro, rádio ligado e campanha eleitoral. Circo dos horrores. Triste como a política é tratada e isso não é só Brasil. Os candidatos aqui em Curitiba esqueceram que, o povo até é burro, mas está ficando aos poucos experto. Assim sendo, tem um que promete que em alguns dias vai fazer e outro que garante que vai dar não sei quantos quilos de não sei o que para não sei quem... (não vou ser específico - escutem e decidam por vocês próprios)

O que me deixou muito chateado é que, desde o início estava indeciso com relação aos dois candidatos. Comemorei quando eles tiraram da jogada o atual ineficiente que aí está, mas agora, sinto um arrependimento latente pois ambos me decepcionaram. Ambos!

Não que algumas promessas não sejam boas, tem umas que realmente são, mas as promessas boas são justamente as que eu sei, você sabe, todo mundo sabe que são as que nunca vão se concretizar, até porque que tem o tiozinho da farmácia, o loco do posto e a maria dos animais de rua no legislativo, ah, deixa para lá!

Curitiba hoje tem mais de 2 milhões de habitantes e para gerir tudo isso, não basta apenas um cara eficiente, mas é preciso que haja uma mudança de postura. Prometer saúde, educação e segurança pública é fácil, lidar com os tantos milhares de funcionários públicos, que efetivamente vão gerir esses trabalhos, é outra coisa. E isso, não é fácil não. Não há gestor que possa garantir que será o melhor, pois, os partidos dominam em toda parte!

Por isso, não votarei para nenhum dos dois, ambos me decepcionaram muito. Ambos estão mentindo sobre algumas coisas que eles mesmo sabem que nunca poderão fazer. Outras tantas coisas, é fácil, é só deixar acontecer e tudo vai. E tem coisas que já estão aí, provavelmente os que entram apenas trocam os nomes,colocam outras placas de inauguração e tudo certo!

Triste, se Curitiba já foi, hoje não é mais um lugar tão bom assim. Eu fico triste, mesmo não sendo filho dessa capital, mas tendo sido adotado por ela, um dia, já fui apaixonado, mas hoje, sou um triste morador, que chora toda vez que passa por uma rua mal tratada, por um posto de saúde construído as pressas nos últimos 2 meses e que, depois do primeiro turno, nem o carro de segurança tem mais...

Enfim...

Segunda-feira, horário de verão, sol até as 20 horas... uhuuuuuuu

Abraço....

Segunda-feira

O ultimo texto, tinha como título Sexta-feira... Bom, hoje é segunda-feira então, nada menos criativo que usar como título a Segunda-feira. Para muitos, o dia mais traumático da semana e para outros poucos, como eu, o melhor dia da semana. Sim, o melhor, pois é ele que determina como será minha semana e se isso realmente der certo, esse semana vai ser no susto pois foi assim, acordei no susto, atrasado e tudo mais...

O pior nem é isso, mas comigo se atrasou também meu filhote. Depois disso, tem o trânsito que fica completamente insuportável quando saio mais tarde de casa. E o inevitável atraso que gera em todos os outros momentos, por curiosidade ou sei lá o motivo.

Mas, no carro, trânsito parado, claro, rádio ligado e campanha eleitoral. Circo dos horrores. Triste como a política é tratada e isso não é só Brasil. Os candidatos aqui em Curitiba esqueceram que, o povo até é burro, mas está ficando aos poucos experto. Assim sendo, tem um que promete que em alguns dias vai fazer e outro que garante que vai dar não sei quantos quilos de não sei o que para não sei quem... (não vou ser específico - escutem e decidam por vocês próprios)

O que me deixou muito chateado é que, desde o início estava indeciso com relação aos dois candidatos. Comemorei quando eles tiraram da jogada o atual ineficiente que aí está, mas agora, sinto um arrependimento latente pois ambos me decepcionaram. Ambos!

Não que algumas promessas não sejam boas, tem umas que realmente são, mas as promessas boas são justamente as que eu sei, você sabe, todo mundo sabe que são as que nunca vão se concretizar, até porque que tem o tiozinho da farmácia, o loco do posto e a maria dos animais de rua no legislativo, ah, deixa para lá!

Curitiba hoje tem mais de 2 milhões de habitantes e para gerir tudo isso, não basta apenas um cara eficiente, mas é preciso que haja uma mudança de postura. Prometer saúde, educação e segurança pública é fácil, lidar com os tantos milhares de funcionários públicos, que efetivamente vão gerir esses trabalhos, é outra coisa. E isso, não é fácil não. Não há gestor que possa garantir que será o melhor, pois, os partidos dominam em toda parte!

Por isso, não votarei para nenhum dos dois, ambos me decepcionaram muito. Ambos estão mentindo sobre algumas coisas que eles mesmo sabem que nunca poderão fazer. Outras tantas coisas, é fácil, é só deixar acontecer e tudo vai. E tem coisas que já estão aí, provavelmente os que entram apenas trocam os nomes,colocam outras placas de inauguração e tudo certo!

Triste, se Curitiba já foi, hoje não é mais um lugar tão bom assim. Eu fico triste, mesmo não sendo filho dessa capital, mas tendo sido adotado por ela, um dia, já fui apaixonado, mas hoje, sou um triste morador, que chora toda vez que passa por uma rua mal tratada, por um posto de saúde construído as pressas nos últimos 2 meses e que, depois do primeiro turno, nem o carro de segurança tem mais...

Enfim...

Segunda-feira, horário de verão, sol até as 20 horas... uhuuuuuuu

Abraço....

sexta-feira, 14 de outubro de 2016

Sexta-feira....

Essa semana foi MARA, heim, maravilhosa mesmo... Dos 5 dias, trabalhamos apenas 4. OK, OK, essa frase é irônica, OK! Sou solidário pois bem sei que tem gente que precisou trabalhar todos os dias da semana mas no brasil, é assim uma montueira de feriado a maior parte religioso e olha lá de daqui uns tempos, teremos mais e mais... Porque eu acho isso? Simples, porque agora, a grande maioria é evangélica e eles com certeza vão inventar os feriados deles e coisas e tal...

Mas a semana foi mais curta, e o feriado de quarta-feira é o mais marotinho de todos. Nem bem pegamos no tranco e já paramos para pegar no tranco de novo. Cara, coisa de loco... Em novembro teremos mais 2, não é mesmo? Um numa quarta e outro numa terça...

Aqui em curitiba, tudo continua igual: renovamos 40% da câmara mas elegemos gente se não piro, igual ao que está por lá... A julgar pelos nomes, que na verdade, já dão um certo parâmetro do que teremos pela frente.

Para governar no executivo, está  muito incerto ainda, pois o ney encostou no rafael. E agora, é com o povão.. kkkk

Eu não votei no anterior e ainda não paguei a multa então, acho que nem poderei votar. Nossa, vou perder algo tão, tão tão lega, né!!!

Bom, desejo a todos um excelente final de semana. Que seja bom e que estejamos todos atentos aos palhaços macabros....


Abraço....

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Poucas atualizações!

Esse semana não foi a melhor. Aliás, nem a semana passada foi das melhores. Mas a vida é um ciclo e logo estarei no ciclo das boas semanas. E antes que alguma crítica chegue, eu sou assim, um dia estou 100% e no outro, estou 98%... kkkk Remedinho bão esse, heim?!

Mas, antes de continuar, olha lá um trechinho do que rolou em curitiba hoje, por volta das 13 horas:


Aliás, depois desse pé d'água, eu até perdi o fio da meada... Não lembro mais sobre o que vou escrever ou melhor, sobre o que eu iria escrever hoje. Vou tentar pensar em alguma coisa bem rápida...

OK!

Vamos lá...

Mais uma vez, uma análise sobre o fenômeno moderno mais lindo: web. Ontem eu conversava com uma amiga e ela me dizia que seu filho havia sido viciado em videogame, que era apenas uma fase e que depois de um período passou. Eu conheço o moleque que hoje é um homem já, e realmente, ele é bastante integro.

E, mesmo com o depoimento dela, fico cada dia mais preocupado e não apenas com meus dois filhos, até porque ambos, por culpa minha, estão bastante dependentes da internet. O meu mais velo, muito tristemente, não consegue por conta própria ficar 1 hora sequer sem assistir alguma merda de canal de youtube. Ou é uma verborragia de palavrões, que é muito comum ou então, vídeos de "gamers" que por algum motivo que ainda não entendi, viram celebridades ou ainda, por conta dos canais que ensinam coisas que até um adulto não deveria aprender.

E aí, bloquear?

E ai, como proceder?

Bom, nos dias em que, por algum motivo tiramos o gadget deles, eles sentam-se no sofá conosco, participam, brincam... acredito mesmo que bloquear seja a melhor forma de mantê-los fora dessa merda de internet até que tenham maior nível de consciência do que é correto ou não e de como usar essa ferramenta que, na concepção até foi maravilhosa, mas que se torna a cada dia, algo dispensável para as mentes preparadas. Assim como religião e a política no brasil.

E, se discorda, eu aceito... Mas tenha, claro, um bom argumento, pois opinião, todo mundo tem, e agora, muitos querer mostrar que tem opiniões...


Abraço!!!

terça-feira, 4 de outubro de 2016

Renovação...

Vamos lá que a notícia é muito boa... #SQN...

40%, isso mesmo, 40% de renovação na câmara municipal de curitiba... E onde está a parte boa nisso tudo?

Sem citar nomes, alguns dos que não se reelegeram, fizeram campanhas em postos de saúde e escolas de educação especial, mesmo antes do período de campanha, o que é contra a lei. Que bom que perderam, pelo menos assim, aprendem que ou é 8 ou é 80, não dá pra ser babaca. E tenho testemunhas oculares do que estou falando em duas situações bem distintas.

Por outro lado, o problema da renovação é que, em alguns casos o que entra pode ser ainda pior do que os que aqui estavam, E nesse ponto, olhando a lista, fico muito preocupado mesmo. Pelo menos, se depender de professores, teremos muitos..A educação está em excelentes mãos!

E os animais de rua também...

Duvido que teremos uma câmara diferente do que já tivemos, mas espero que todos os que conseguiram promover essa renovação de 40% pelo menos não reclamem de seus salários. E que possam trabalhar com o que tem pra hoje!

O resto, é apenas resto, sabemos disso. Nada mudará, continuarão legislando em causa própria e continuarão não me representando. Até porque, não sou professor, não tenho animais de rua, não sou atleticano ou ex-atleticano, enfim...

Políticos de profissão que perderam a boquinha para voltar a trabalhar em outras coisas. Inclusive um que insistia em fazer campanha na igreja quadrangular ali do capão da imbuia, esse eu dou risadas muito fortes por não ter ganho... ou ele não sabe das regras... acho que não né...

Fica a dica, dos 38 eleitos, nenhum deles, repito, nenhum deles me representa... E você?

Fui!


quarta-feira, 28 de setembro de 2016

O maior evento do ano...

O maior evento do ano está por acontecer... Sim, o maior de todos eles não foi o meu aniversário, não foram os jogos olímpicos nem mesmo os paralímpicos, nem mes a queda de dilma plastiquinha oua chegada daquele que não devemos Temer...kkk

Sim, o evento mais importante do ano sem dúvidas não será também a chegada do papai noel, que essa ano deve vir com o saco mais vazio que saco de véio, sabecomé, ou ainda, se vier com sacho cheio será com saco cheio de ar ou de contas para pagar. O evento do ano também não é nenhuma manifestação contra os coxinhas ou contra os risoles ou contra os foices, ou contra qualquer um...

E eu me encontro na seguinte situação:

1 - se eu for participar do evento, tenho o candidato que considero certo, seu seu número e não tenho dúvidas quanto ao meu voto, para prefeito, que fique claro. Para vereado, eu só votaria se fosse em mim, como nesse ano não me candidatei, então, esquece, não votarei em nenhum dos que estão aí, tentando...

2 - não vou participar. E se eu não for participar, além de poder dizer depois que não participei da escolha dessas porcarias que temos que escolher, ficarei 3 ou 4 reais mais pobre e ainda vou gastar um pouco de gasolina para acertar as contas no TRE, e se tudo der certo, não teremos segundo turno e a coisa vai ficar ainda melhor,pois serão apenas os 3 ou 4 reais de uma multa só...

E aí, o que fazer?

Ô dúvida cruel...

Estou naquela situação em que não sei se não cago ou não saio da moita...

Não sei se participo ou não, pois infelizmente, mesmo eu já tendo escolhido meu candidato, não consigo acreditar que meu vou vá mudar qualquer porcaria mesmo. Nem o meu, nem o da maioria...

Você acredita que um voto muda alguma coisa?

Pois é, complicado, não é mesmo?

Vamos então ver no que vai dar... Depois eu digo que decisão tomei, mas hoje, acordei disposto a não votar e pagar a multa... E para quem tem vontade, vou explicar como foi a ultima vez que fiz isso:

- não fui votar - depois foi no TRE, falei que não fui, não me perguntaram porque nem nada, me deram uma guia de 3 reais e pouco, paguei e brasil, tava limpo... fácil, descomplicado, e como eu tinha que ir próximo ao TRE, nem o ônibus que gastei eu contabilizei para isso...


Melhor que ir votar num dia de sol que, naquele ano, pude ficar na piscina!!!!


Abraços....

terça-feira, 27 de setembro de 2016

é hoje...

É hoje... Há exatos 39 anos eu vim para este mundo. Não pedi para isso mais meus pais, durante um ato que não precisa de narrativa resolveram ter mais um filho. O menino tão esperado chegou. Minha irmã, até onde contam as histórias familiares estava ansiosa e queria muito esse irmão.

Nasci no interior numa cidade que nem era cidade, era um distrito ou algo assim de uma cidade e isso ainda hoje me causa alguns problemas, pois em meus documentos consta como naturalidade "Estado do Paraná", ou seja, não nasci em lugar algum, mas ainda assim, dentro do Paraná. Não posso reclamar pois esses 39 anos não foram de sofrimento para mim. Nunca passei fome, estudo em boas escolas e claro, tive comida, abrigo e carinho.

Hoje, olho para trás e agradeço minha mãe pelas surras que levei, meu pai por todas as brigas, minha irmã e meu irmão pela companhia o falta dela em alguns momentos, foram todos muito importantes para mim. Agradeço a todos pelos aprendizados que me deram, que me fizeram ter e que por sua vez, contribuíram para o que sou hoje e para o que ainda serei no futuro.

Destes 39 anos, 16 estou ao lado de minha amada Márcia, que com paciência e amor tem me aguentado, e olha que não sou fácil... 13 anos com meu Luiz Henrique, e 10 anos com meu Luiz Eduardo... Outro dia, se lembrar eu conta a história de porque são todos Luiz lá em casa.

Todas as pessoas, das citadas aqui e das que não poderei citar para não ser injusto, tiveram algum ponto importante em minha vida. Dos amores que tive, dos que odiei, dos amigos que fiz e carreguei e carrego, aos que como clientes, um dia entraram e foram importantes e hoje, nem lembro mais.

Um dia me ajoelhei e orei a um senhor mal que me puniria se eu fosse mal, hoje, vivo feliz sem medo de ser feliz da forma como eu quero ser e sem ter que acreditar em uma chaleira voadora ou ainda num deus, ó senhor mal do céus...

Meu único defeito é querer ser perfeito, mesmo sabendo que nunca serei. Ah, esse não é meu único defeito mas é o que mais chama atenção, porque os demais guardo para mim e só para mim. Sei que muitos me odeiam, sei que muitos não querem estar perto de mim mas, fazer o que, o mundo dá voltas e você, um dia inevitavelmente, vai me encontrar. Direi um sonoro "Bom dia, Boa tarde, Boa noite", mesmo sem te conhecer, pois assim sou.

E, quando me perguntam o que eu quero para minha vida, eu posso com clareza responder: eu já tenho tudo que eu quero, o que vier, é lucro. Eu tenho uma família tesão pra caralho, tenho alguns poucos amigos que são tesão pra caralho, tenho uma mulher tesão pra caralho e o que mais eu preciso?

Dinheiro?
Carros?
Casas?
Ah tá, uma lanha de 18 pés com um motor de 325 HP sim, isso eu quero, até porque, adoro...

Mas, brincadeiras a parte, comer um espetinho com o Dudu de vez em quando, tomar uma Heineken de vez em quando, uma sinuca muito de vez em quando, o que mais posso querer? Quer ser cremado, por favor, com todos os meus órgãos!!! (anotou?)

Hoje, eu posso, de forma muito sincera dizer: PARABÉNS PARA MIM! Feliz aniversário para mim, felicidade para mim!... Afinal, tudo, absolutamente tudo, depende apenas de mim...


Abraço a todos...


sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Esse é o futuro do país...

Estou realmente mais preocupado do que já estive com o futuro dessa nação e do homem em geral. E isso porque, estamos perdendo algumas coisas importantes e ganhando outras preocupantes. Certo di li que, fulana de tal, que inclusive era da mesma terra que eu (nasci e morei em lugares distintos), foi líder em vendas com seu livro. Ai pensei, mas espera aí, como assim?

Pode isso mesmo, produção?

Pois é, mesmo que a internet tenha vindo para acabar com o material impresso, o que eu acho muito difícil que aconteça, e ainda mais que a internet seja uma boa fonte de pesquisa e informação e, ainda mais mais que a internet seja uma poderosa ferramenta para tudo o que mais sagrado que existe, ainda assim, a internet é uma merda! Simplesmente por ela ser o que ela é, torna-se uma merda!

Uma terra de ninguém não pode ser o que ela é e não pode ter o poder que ela tem. Afinal, se você escreve qualquer merda, como pode ser? Uma pessoa pode ler e milhares podem ler e a verdade se constrói com a facilidade de um imbecil pregando a própria língua para que 1 milhão de pessoas possam ver, outro milhão ficar sabendo e aí, outro imbecil qualquer criar um vídeo criticando e mais um milhão e outro cria um vídeo criticando quem critica e milhares assistem.

Ou então, certa vez vi que o frenesi era uma distinta, que faz vídeos de humor ácido.. Virou a bambambam...

Tá, vamos lá...

O que me preocupa é que esse bando de gente já se tornou formador de opinião, mas são pessoas tão fracas e tão superficiais que as suas opiniões, com o devido direito, deveriam ficar com eles mesmos... Eu que opinião todo mundo tem, mas assim como bunda, cada um tem a sua e cuida da sua e se quiser mostrar, leva na sua. Eu escrevo nesse blog há tempos e tento, na medida do possível fazer o que muitos desses "formadores de opinião" não fazem, que é antes de qualquer coisa, ensinar o respeito a todos.

E minha preocupação começou justamente quando acordei que os pequenos, cada vez mais pequenos e com seus gadgets estão acompanhando esses imbecis... Sejam quais sejam...

O medo maior é que, cada vez os conteúdos estão ficando porcaria e cada vez ficarão mais porcaria...

E viva, será que teremos uma salvação???

Acho que não, né...

Abraço!!!

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Há dias que estou com essa sensação...

Então, há dias que acordo e tenho vontade de dizer: caguei pra você!

Queria muito encontrar com alguém, com alguma "toridade"e para ele dizer: caguei pra você!

É que ultimamente as coisas estão tão fora da casinha que eu não consigo entender porque tanta mudança em tão pouco tempo. Até já compreendi certa vez isso mas agora, não consigo mais. Vamos lá então:

Caiu a Dilma...
Caiu o Cunha...

Que horas vão cair todos os fdp que roubam essa nação e que não fazem nada por mim? Por nós? Por todos?

Não comemorei a saída da dilma assim como não vou comemorar a saída do cunha, pois isso não resolve qualquer problema. É uma doce ilusão idiota de alguns grupos, que longe de ser a minoria, estão conseguindo moldar o sistema ao seu bel prazer.

Gostaria agora de ver cair requião, temer, takayama entre outros nomes, mas estes, não vão cair.

Gostaria muito de ver nosso pleito eleitoral apresentar gente nova, gente que não estivesse atrelada a gente antiga na política... Mas não, os rostos novos estão intimamente atrelados aos antigos e estão usando isso em campanha eleitoral.

É assim, por isso eu digo: caguei para eles...

Quero mesmo esquecer essas coisas, comer um espetinho no Dudu e viver sem me preocupar, mas é quase impossível isso. Afinal de contas, eles fizeram tanta merda que nem meu dissídio coletivo saiu, isso que ele era previsto para 1º de abril...

Ou seja, se estamos bem, não quero ver quando essa merda toda estiver ruim....

Se estamos ruim, talvez um dia melhores...

Mas, não sei o que estamos...


Abraços....

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

5 dias depois...

Cinco dias depois, estou de volta ao ritmo normal de trabalho. claro, isso é sempre bom, #SQN... acho que eu queria um feriado eterno, mas meu patrão não deve ler isso senão meu sonho pode se concretizar...

Eu fiquei em casa pensando: um país que se dá ao luxo de ficar todo esse tempo parado deve mesmo ter muito a oferecer a todos os seus filhos dessa pátria que os pariu, né... Deve mesmo! Aí eu lembro de temer, renan, dilma e outros estrupícios e fico decepcionado em saber que da minha pátria mãe, só o que consigo enxergar são as... esquece....

Quando dizer que as prostitutas são as profissionais mais antigas do mundo, me questiono se elas vieram antes dos políticos ou os políticos vieram antes que elas, tipo o lance do ovo e da galinha, sabe comé... Sei que há uma ligação entre as duas profissões, isso não dá para negar. A ordem dos fatores é que não dá pra ter certeza, até porque, não quero ofender as putas.

Xiiii, soou revolta agora, né... Mas é fato!

Não que seja realmente uma revolta, não é bem o caso e sim, um certo pé atrás, afinal de conas, nada nesse paós parece funcionar mesmo com total eficiência e aí, fica difícil acreditar em qualquer coisa.

Feriado, fora temer ou até novelas. Não dá para considerar nada disso como algo que possa ser plausível... Não dá!

Fazemos assim, desejo a todos uma excelente semana, paro de escrever por aqui e quando puder e conseguir, continuamos o papo, bele?


Antes de ir... quem ainda não foi... Espetaria Simprão Churrasco Rápido   (isso não é anúncio, é dica mesmo...)


Abraço

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Quero muito acreditar, mas juro que não consigo...

Num mundo em que blogueiro deixou de ser e youtuber virou formador de opinião, é difícil acreditar em muita coisa, até porque, que geração vai se formar com tanta imbecilidade? Enfim, verdades para quem as tem e dúvidas para mim, beleza?

Bem, ouvindo rádio hoje pela manhã, apenas porque gosto do rádio, ouvi que os movimentos contra o temer estão aflorando em todo o país, com maior intensidade e maior presença da população. Não pude deixar de sonhar por instantes justamente no que eu mais queria, ou seja, que tudo isso fosse verdade. Gostaria muito de ver temer, cunha e todos esses fdp caírem.

Quero ver mesmo o circo pegar fogo, pois afinal de contas meu salário não dá para nada mais, o desemprego está tomando conta e como diria o Tiririca, "pior que tá, não fica."

Alguns dizem que não há o que temer, mas eu temo e muito afinal de contas, estamos com grupo políticos que querem algo em comum e esse algo, não é positivo para mim, para você ou para qualquer cidadão.O que eles querem o poder e o dinheiro que o poder pode trazer.

Ou seja, quero mesmo que essas manifestações sejam pacíficas e presentes no dia a dia. Já quis isso na época das manifestações contra a ex-presidente e quero que isso seja feito agora. Não me importa se precisaremos de novas eleições ou de qualquer outra providência, mas PMDB no governo não! Já basta a merda que o requião fez no paraná.

Enfim,, eu realmente quero muito acreditar, nas juro que não consigo.

Quero muito ter esperança mas não consigo!

Enfim, vamos ver no que vai dar...


Abraço...

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Não, não... Por favor, não!!!

Vivemos num tempo em que o que compramos ontem, hoje não serve para muita coisa. Haja vistas aos gadgets como telefones inteligentes e computadores entre outros. Algumas pessoas estão investindo ainda em relógios que mostram mensagens e óculos que guiam o seu dia a dia. Incrível, não?

Então, se os tempos mudaram porque temos que aguentar campanhas eleitorais tão imbecis que ofendem até os irracionais?

Sim, estou falando de campanhas em que candidatos a prefeito (executivo) e vereadores (legislativo) prometem coisas tão absurdas que acredito, não enganam ninguém, mas que ainda se convertem em votos, em alguns casos, específicos.

Vamos a alguns temas e vejamos:

- saúde (hum, interessante, pois a saúde é sempre um primeiro tema a ser tratado - e o ultimo a ser cumprido?)

- educação (tem candidato prevendo língua estrangeira, período integral, creche... Se a prefeitura já está ferrada agora, imagine se tudo isso for colocado em prática?)

- segurança (esse é a piada maior, até porque, prefeitos e vereadores pouco podem fazer de forma efetiva)

- transporte (aí, a piada passa a ser ofensiva, por favor, xinguem minha mãe mas não me ofendam com esses papos de ônibus novos e vazios e mais horários).

E o que eu penso que precisa ser feito?

Melhorar e muito o que já tem. Já temos uma máquina estatal gigante, inchada e ineficiente. Temos sim boas escolas, temos sim bons postos de saúde e temos uma polícia municipal muito boa. Temos que fazer isso tudo funcionar.

Inserir metas, inserir objetivos e assim, buscar a eficiência dessa máquina, repito, gigantesca e que para pouco serve.

E para que temos tantos vereadores? Todos esses não fazem o que fariam 12 ou até 15 bem qualificados. Sorry, mas esses todos que aí estão, não prestaram para muito nos últimos 4 anos. É triste mas dos que aí estão muitos se perpetuarão, infelizmente...


Então, boa semana a todos!


Abraço!

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

cuidado com aqueles que foram chamados, heim...

Olha, até onde me consta, desde a época de um tal chesus!!! todos os que se diziam escolhidos, preparados ou chamados, mudaram o mundo, alguns muito negativamente outros, mais ou menos... Mas todos mudaram!

O horário eleitoral começou e já temos um que foi escolhido involuntariamente pelo pai, que se foi, o outro, é escolhido porque o pai é bom, tem aquela que depois de viajar o munto inteiro quer transformar a cidade, tem o petista que sempre fez tudo, mas nunca mostrou nada, e tem o que já fez e disse que quer fazer mais e de novo!

Enfim, o circo eleitoral começou, mas na lógica mais inversa que poderíamos ter, os engolidores de espada, para não dizer outra coisa, somos nós... Toba é toba!

Quero muito que todos possam se concentrar um pouco e assim ajudar a escolher o melhorzinho dentre todos os piores que estão por aí. Eu já tenho meu candidato e claro, pouco a campanha dos outros me fará mudar de ideia. Minhas convicções foram construídas ao londo de muito tempo observando o comportamento desses que aí estão, de outros que querem estar e ainda dos que já passaram por aí. Posso afirmar que, em 2016 está difícil, mas há uma luz fraca no fim do túnel.

Reeleição, acho pouco provável, mas ele tem a máquina nas mãos e será muita incompetência se pelo menos ao segundo turno não for, né!

Hoje, no primeiro programa ouvi poucas promessa, para não dizer nenhuma. Todos usaram o seu tempo para contar histórias: o pai que morre e deixa o filho no lugar, a que viaja o mundo inteiro, o que por seu amor quer governar, o que tem o legado de família, e as propostas que ouvi, diz respeito ao que quer revitalizar asfaltos, mas antes disso, quer organizar uma equipe fixa para fazer isso. Putz, será que o que tá aí não poderia ter feito isso? Merda, né...

Eu gosto muito do ano eleitoral justamente por isso, pois conseguimos nos divertir com as coisas mais absurdas... as propostas mais idiotas, os candidatos mais despreparados... e o maior exemplo de que o dinheiro compra muitas coisas, mas não consegue fazer algo ruim ficar bom da noite para o dia ou muito menos, tornar melhorzinho algo que seja ruim mesmo.

Dos vereadores, esses não gastarei meu tempo escrevendo. Como fui candidato e sei como é e o que eu poderia ou não fazer, já aviso, quero que todos percam. Principalmente os que lá estão, quero que todos não sejam reeleitos. Poderia citar alguns nomes mas vou evitar problemas...

Você eleitor, de a chance para outras pessoas, podem até ser piores, mas que pelo menos tenhamos a renovação que precisamos....


E bom pleito para todos... Nesse jogo, quero muito que todos os que concorrem percam, menos nós, que além de tudo, pagamos os salários desse cavalheiros e damas!


Abraços...


Ah, para todos que leem esse blog, fica a dica da Espetaria do Simprão - a qual eu de forma imbecil ainda devo uma visita, mas que de qualquer forma pertence ao meu amigo Dudu, O Simprão que sempre esteve junto, tanto no DLQ quando na minha candidatura e como amigo!!!

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Meu, seu, nosso dinheiro...

Vamos lá, pessoal. Domingo que passou, estive na praça da espanha em curitiba, lugar central, que há pouco tempo passou por uma reforma - se não me engano para a famigerada copa do mundo que se realizou no brasil. Ou seja, é novinha em folha.

Tirando o fato de que essa praça está consolidada, fiquei surpreso com o que vi. Tem uma fonte, bem bacana com água e tal, tem alguns estabelecimentos como bares e restaurantes, o lugar é razoavelmente frequentado por várias pessoas, principalmente num domingo a tarde, frio...

Agora, ao meu olhar maldito, o que mais me chamou atenção foram esses dinheiros nossos, meu, teu, de todos os curitibanos senho jogados ao tempo, no lixo! Obrigado prefeito!

Imagens:

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Fiação exposta - legal, né!

Enfim, não há porque usar outra legenda nas fotos. Foi isso que mais me chamou atenção, pois é visível a falta de cuidado ou até por dizer, situação de abandono. Ou pelo menos descaso. E ainda, essa fiação é de cobre, que com o tempo oxida e deixa de prestar. E ainda mais, o cobre é caro, e o custo para repor isso, vai ser alto.

Mais uma vez, pagamos por sermos imbecis... Eu, afirmo - nunca votei e jamais votarei no Fruet. Mas, a maioria votou! E agora, ele quer ficar mais 4 anos construindo algumas ciclofaixas e fazendo uma limpeza interna na prefeitura.

Até nem sei que candidato faria melhor, mas penso que no mínimo, precisamos prestar muita atenção no que vai acontecer nos próximos dias, pois teremos que escolhar e dentre os piores, teremos que escolher o melhorzinho...


Vá lá e confere, essas fotos foram tiradas no dia 21 de agosto, por volta das 17 horas...

Triste, triste, e se fosse apenas essa praça, eu até ficaria quieto, mas rode por esta cidade e depois, leve seu carro para uma revisão na suspensão...kkkk

Abraço!

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

e você, se esforça para que?

Sábado foi um dia interessante. penúltimo dia das olimpíadas no brasil, muitos atletas correndo atrás de suas medalhas e resultados e barco a todo vapor. Nós, brasileiros, como sempre, correndo atras de um recorde meio maldito, pois nunca chegaremos a ser qualquer tipo de referência no esporte mas, temos sim vários guerreiros, que não desistem nunca.

Mas, sem enrolação, vamos lá: se eu fosse atleta de qualquer esporte que não o futebol, e ganhasse uma medalha, e, tivesse que ver a festa feita por causa de um timeco de futebol, juro que eu devolvia a medalha e iria concorrer por outro país, qual fosse.

Uma vergonha. Um timinho cocô que ganhou na cagada. Pior é ouvir os comentaristas cagando pau para um tal neymar... Como se só esse esporte importasse. Eu sei que é o que trás mais retorno para a mídia, que é o que envolve mais dinheiro essas coisas, mas deixar de apoiar com a mesma ênfase outros esportes? Triste isso, heim...

Eu estava assistindo ao Fox Esportes e fiquei enojado, pois o comentarista, o locutor, chegaram a dizer que a medalha de ouro do futebol foi a mais importante de todas... Ah, vai se fuder... Os caras ganharam 500 mil cada um por ganhar...  Não fizeram mais do que a obrigação...

Outros tantos atletas precisaram do apoio do exército para conseguir...

Vergonha, vergonha... Eu tenho vergonha de ser brasileiro nessas horas, mas fazer o que, aqui nasci, mas aqui, vou sempre discordar disso..

Eu sei, eu sei, você está todo feliz com a vitória, então, comemore...



Abraço...

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

um convite verdadeiro - 4

Olá. Bom (dia, tarde, noite)! Hahaha, comecei mal, heim!

Mas vamos lá... Diz um ditado antigo e antiquado: "diga-me com quem andas que te direi que és!"

E é fato de que temos que tomar cuidado com que andamos, não por causa do julgamento alheio pois a opinião dos outros, pelo menos para mim, vale o mesmo que uma barata esmagada, ou seja, nada. Mas, sim, porque nossas companhias tem um poder de persuasão que pode ir do inconsciente ao imoral.

Nos últimos tempos tenho conversado com pessoas que não tinha a menor ideia de que, de alguma forma, poderiam contribuir para meu pensamento - de forma positiva - sobre temas polêmicos que envolvem nossa existência como brasileiro que somos.

E aí entra o convite verdadeiro - 4!

Leis trabalhistas - ou melhor, as mudanças necessárias!

É fato que a CLT é um instrumento muito bom, melhor ainda para o trabalhador. Mas essa consolidação foi elaborada há muito tempo e pouco tem de realidade nos dias atuais, em que o desemprego assusta mais que as leis e ainda, que serve como base para o comportamento que se costuma observar em boa parte dos trabalhadores.

Uma lei que garante férias, 13º e outros "benefícios"está, para dizer o mínimo, desatualizada e fora do contexto trabalhista moderno. Não quero apenas que o trabalhador perca direitos, não se trata disso, mas sim, uma nova forma de ver e interpretar sobre esses direitos.

É preciso mudar, na minha visão, muita coisa!

A primeira que eu quero ver mudar, diz respeito a férias. Afinal de contas, nos dias de hoje, 30 dias são suficientes? É justo para a empresa ter que abrir mão de um trabalhador durante 30 dias? Não seria interessante, será, uma flexibilização disso? Sim, permanecem os 30 dias, mas que o trabalhador junto com o empregador pudessem negociar isso, em 2, 3, 4 períodos? Enfim, acredito que seja necessário um pouco mais de atenção nisso e claro, sem prejuízos para os trabalhadores. Afinal de contas, se antes o trabalho tinha maior foco no serviço braçal ou industrial, justificava-se 30 dias de descanso, mas hoje, com boa parte trabalhando em escritórios, com cargas horárias definidas?

Enfim, é preciso uma reforma!

O trabalhador, e me desculpem os que não concordam, vocês tem o direito e o dever de discordar, mas esse trabalhador que está aí hoje, tornou-se muito acomodado com relação às leis trabalhistas. Hoje, é bastante presente as situações em que, após trabalhar certo tempo numa empresa, um trabalhador sai e vai cobrar na justiça coisas que, ele mesmo aceitou através de contrato. E, se há aceitação de ambas partes, não acho justo que apenas uma tenha que pagar numa situação dessas.

E também, as empresas tem que ter o direito de poder de, ao romper-se um contrato por parte do trabalhador (aquele que não cumpre horário, que faz corpo mole ou que simplesmente não cumpre com o que foi acordado), sem que depois, na justiça, seja reforçada uma injustiça.

Empregados e trabalhadores estão evoluindo. E isso precisa ser visto pela legislação, que tem que estar atualizada com essa relação moderna. Sem que haja prejuízos mas sim, adequações e transformações.

Reitero meu convite verdadeiro 4: vamos repensar essa lei trabalhista?


Abraço!

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Quem você prefere?

Hum, hoje o dia está repleto de jornalecos divulgando o patrimônio dos candidatos a prefeito de curitiba. Engraçado que eles não costumam fazer isso para os candidatos a vereador e a desculpa é que seriam muitos e que não daria e coisa e tal. Mas, vamos lá.

Quem você prefere? Um candidato pobre ou um candidato rico?

Temos de tudo um pouco, gente que declarou zero e gente que declarou milhões.

Não sei em quem confiar, afinal de contas declarar zero não necessariamente garante alguma coisa nem declarar milhões garante outra coisa. Ou seja, se partimos disso, tanto faz como tanto fez, uma vez que o que eles devem realmente fazer, nenhum deles vai conseguir fazer mesmo.

Governar como prefeito deve ser um saco: tem que ficar pensando na cidade, onde fazer obra, onde ajeitar isso, onde arrumar aquilo, e ainda tem que colocar amigos dos parentes dos apoiadores, receber a imprensa, empregar familiares, e por ai vai... E de que me importa se ele é rico ou pobre?

De que adianta esse tipo de informação se lá na frente, nada disso vale alguma coisa?

O que eu prefiro mas que nunca acontecerá é o sistema de retirar o voto depois da eleição, já imaginou?

Vai lá, tipo assim: o cara é eleito com 52% dos votos. Aí, começa a governar e só faz merda, ou ciclovias, por exemplo, sem investir em postos de saúde e na educação. Aí, a galera vai lá e começa a retirar os votos, até que - puf - ele se ferra e precisa devolver o cargo.

Aliás, isso deveria valer para os vereadores, que são tantos e que tão pouco fazem pelo coletivo que tenho a certeza que perderiam cargos a torto...

Hahaha, seria interessante, legal, divino!

Garanto que aí, os caras iam aprender a trabalhar... Com toda certeza, não ficariam 4 anos negociando as coisas que não repercutem em melhoras coletivas para o município. Então, teriam que trabalhar sim pelos postos de saúde, pelas escolas, por nossas ruas malditas cheias de buraco e antipó...

Sinceramente, pouco me importa se fulano tem zilhões, se cicrano tem mils e se beltrano tem 0. O que me importa é poder escolher, dentre os piores, o melhorzinho, ou seja, aquele que talvez faça alguma coisa, digamos mais prática ou mais digna para todos nós.

Esse ultimo mandato foi uma prática de ajustes internos e quem mais se ferrou foi a população, e claro, ele quer ficar mais 4 anos.

Lembra daquele que prometeu que não, se ganhasse o segundo mandato não sairia para o governo do estado? Ou aquele outro que prometeu que ou baixava ou acabava?

Pois é, o papel aceita qualquer tipo de promessa, mas, na prática, ter patrimônio ou não, prometer ou não, é paenas um ponta do jogo político. Mentir, que aprendemos desde de cedo que é feito, torna-se bonito e necessário...

Eu já escolhi meu candidato, enfim, escolha bem o seu e a sorte está lançada, que dentre os que tem, consigamos escolher o melhorzinho, dentre os piores!!!


Abraço!

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

o negócio é o seguinte...

Quero pedir desculpas mais uma vez em minha vida aqui nesse blog. E dessa vez as desculpas que peço vão para ele, sim, para o nobre, querido e amigo Dudu. Dudu, desculpas, eu sei que ainda não estive na sua espetaria e fico extremamente puto por ainda não ter feito isso! Já inclusive sinalizei minha patroa de que não podemos deixar mais esse tempo passar sem que façamos essa visita.

Para quem gosta de um espetinho, pude acompanhar, mesmo que de longe, todo o esforço e a dedicação dele para a realização desse, que até onde sei, era um sonho dele. Que esteja uma realidade!

E já que toquei em sonhos, alguns que por esforço e dedicação se tornaram realidade, vamos falar de outros, que eu ainda sonho e que acho, nunca vão se tornar nada.

É o caso de uma curitiba nova, ou melhor, de uma curitiba melhor.

Ou vi os candidatos a prefeito falando em entrevistas na rádio e fiquei com muito medo do que sempre me deu medo, mas fiquei com mais medo ainda... Eita povinho despreparado, heim...

O que me deu mais medo foi saber que todos eles sabem certinho quantos KM de asfalto tem, quantos precisa, se duvidar sabem até a cor das cuecas dos operários que vão fazer o asfalto, mas não sabem por onde a galinha mija. Um bando de asneiras, teve gente que chegou a falar em tornar obrigatório por lei municipal o ensino da língua inglesa nas escolas municipais...

E tem outro dizendo que vai colocar painel fotovoltaico em todos os terminais de ônibus de curitiba... Nossa, isso vai fazer uma diferença pro povão que entra num ônibus lotado, não é mesmo?

Não ouvi nenhum candidato ainda, mesmo aquele em que vou votar, citando a diminuição no tamanho dos ônibus e o encurtamento das rotos como possível solução. Propus isso quando fui candidato a vereador e, como usuário do transporte que fui, sei bem que as linhas mais longas são operacionalmente inferiores em termos de eficiência do que as linhas mais curtas.

Um grande terminal na rui barbosa, em que tivessemos ônibus como por exemplo: cic - rui barbosa, pinheirinho - rui barbosa, portão - rui barbosa, assim como ligando região norte, leste e oeste... isso seria uma forma de diminuir os tamanhos, tantos dos veículos como das linhas, ligar de forma mais respeitosa os seres que vivem nessa cidade. Isso é um sonho....

Bem, vai ser feio, esse ano, será dos ultimos, o circo mais horrendo de todos os ultimos...

Pena, uma pena....


quinta-feira, 11 de agosto de 2016

um convite verdadeiro - 3

Hum, vamos tocar na ferida novamente, mas é inevitável para mim. Estamos em ano eleitoral. E, por mais nocivo que seja, estar em ano eleitoral é uma garantia sine qua non de diversão. O horário eleitoral sempre promete muitas gargalhadas. Parece um circo. Alias, se pegar tudo que tem e cercar, vira zoológico, se cobrir com lona, vira circo...

Tá, vou esquecer da parte engraçada da coisa pois no final que ri são eles e quem chora e leva o quiabo somos nós, eleitores, que temos a "obrigação" democrática de votar. Legal, né, "obrigação" democrática diz tudo.

Mas o que me leva a escrever e convidar você verdadeiramente é o seguinte:

No brasil temos os impérios da comunicação. São veículos herdados de famílias e que juntos podem destruir ou reconstruir a nação. Fato é que, temos poucos grandes veículos e se pudermos exemplificar com os dedos da mão, temos um único dedo grande e os demais, pequeninos, que um dia querem ser dedos grandes. Mas, no processo evolutivo, é muito mais fácil que nossa genética tire um dedo do que faça os demais crescerem, afinal de contas, para que usamos o 5º dedo?

E em ano eleitoral, esses veículos de comunicação assumem papel importante pois suas vertentes políticas, de forma muito velada, são postas em prática. Os telejornais, novelas e demais programas sempre procuram impor de alguma forma alguma vertente, sem descarrar, é claro.

Mas, você já notou que, ano eleitoral após ano eleitoral, sempre segue da mesma forma?

- os primeiros debates são sempre nas emissoras pequenas (isso eu até compreendo)

- os demais, são sempre nas medianas (as que aceitam)

- o ultimo, tem que ser sempre na maior emissora e só com os candidatos que ela quer.. ai a coisa desanda...

Mas o convite, voltando ao convite: se pensamos e exigimos uma reforma política, será que essa estrutura também não tem que ser repensada? Exigir, por uma lei, que isso seja feito com certa isonomia? Exigir que seja feito ao contrário?

Ou então, acabar com esses debates ou ainda, fazer com que ele se torne uma transmissão oficial em cadeia de rádio e tv e que seja transmitida por todas as emissoras simultaneamente?

Afinal de contas, porque não?

Claro, eu sei a reposta, mas muitos não sabem ou não querem saber...

E por ai vai...

----

Em tempo: sobre o texto de ontem, a fabricação de um mito, tudo que escrevi era besteira, afinal de contas, o mito ressurgiu e massacrou meus argumentos... Um viva...

----

Em tempo 2: mesmo tendo conhecidos que atuam em taxi, por favor. O Uber veio para quebrar a estrutura mesmo. Usei o Uber e paguei 8 reais por um trecho que um taxi faria por 14. Foi uma economia de 42,86%... Adorei!!!

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Fabricação do mito...

O que vou escrever hoje é de minha inteira responsabilidade, minha opinião e claro, a forma como eu vejo, enxergo e entendo algumas coisas. Então se você se ofender em qualquer parte, por favor, deixe de ler e acesse outro blog ou outra site. Se quiser uma ajuda, digite qualquer coisa aqui: Fugir daqui!!!

Sou pai de dois filhos. O mais velho quer ser jogador de futebol, profissional e está muito atento a tudo que envolve esse esporte e mais, está estudando. É uma condição. Ou estuda por bem ou por mal... Sou assim. Mas, como ele está estudando, é claro que meu apoio incondicional ao futebol está em pleno vigor físico. Mas, que relação isso tem com o título?

Pouca coisa, se pensarmos de forma direta.

Mas, as olimpíadas estão mostrando o quanto a construção de um mito pode ser negativa, para o mito em questão, para os torcedores, para uma nação. A emissora majoritária no brasil tem por mania fazer isso, pegar um nome e ficar falando ele com todas as letras, colocar o melhor locutor (não que eu concorde)a ficar alardeando palavras como "melhor".

Porém o fato é que o melhor até agora está um pouco menos do que apático. Lógico que evitarei nomes pois, "nóis não é burro, né"!

Ele chegou sendo a solução e na verdade se transformou no problema ou num deles, o mais evidente. Com um esporte praticado tão medíocre quanto o que eu consigo jogar, toda a esperança do país por um título nunca ganhado vai ficando cada vez menor. E para piorar, no segundo evento, o mito sai e não dá qualquer explicação do porque está tão ruim (para mim ele sempre foi um mito e apenas um mito, de bom, para mim, nunca teve nada).

E aí, o que se faz para que um mito não morra? (no sentido figurado, tá, não é morte de morte!)

Criam-se justificativas ou então, procuram-se justificativas. Não posso ser preciso ao dizer se criaram ou acharam mas agora, chegar e dizer que ele está sendo chantageado é uma forma no mínimo grosseira de chamar todos os torcedores de babaca! Afinal de contas, um cara que tem o dinheiro todo que tem, que tem os assessores que tem, os advogados que tem, o pai que tem, não seria blindado de uma chantagem para poder ir bem em dois jogos?

Por favor, vamos ser capazes de assumir que ele não está jogando bem por preguiça ou porque não seja tão bom assim?

Sabe, meu filho mais velho passou por uma fase quando trocou de categoria em que ele ficou apático em campo, mas era perceptível que ele estava assim porque os demais eram melhores. Isso durou muito treinos até que, com um trabalho paciente do seu técnico e dos seus pais (eu inclusive), ele passou a sentir confiança no que já sabia fazer, se aprofundou no que não sabia e hoje, sem dúvidas, é convocado para todos os jogos, onde tem feito a diferença.

Eu não quero criar meu filho como um mito e para isso, ensino para ele além de tudo, a ter dignidade de saber que ele nunca será o melhor de nada, e sim, um cara melhor para ele mesmo. Humilde e batalhador, que saiba aproveitar os dons que desenvolveu e que vai desenvolver em sua vida.

E principalmente que, quando assume-se um compromisso, independente da dor que sinta, esse compromisso tem que ser honrado. Meu filho, desejo eu e invisto nisso, não será mais um, igual a esse mito que na hora do pega-pra-capá, "cai-cai-balão, cai-cai-balão"! Não!

Pena que o mito já tenha sido criado, antes dele tivemos o apagão de 1998 na França, lembra?

Outros anteriores, não eram tão mitos e fizeram tão bonito, como em 1994...1990!

O que mudou???
Porque mudou???

Viva!!!

terça-feira, 9 de agosto de 2016

um convite verdadeiro - 2

e esse 2º convite verdadeiro vai para... todo mundo, em especial quem se locomove com seu automóvel e claro, para todos os candidatos a prefeito, incluindo o gustavinho e os candidatos a vereador...

vamos?

vou com quem quiser ir...

vamos fazer assim:

as 7 horas da manhã, a gente se encontra na rua senador accioly filho, e pega o ônibus campo alegre sentido terminal do capão raso (sem dúvida o melhor terminal de curitiba).

depois, já no terminal, entre esbarrões e outras peculiaridades, vamos pegar o inter 2 sentido campina do siqueira e isso será inesquecível... Não gosta de lijeirinhos, podemos pegar o verdão, ai a viagem fica ainda mais emocionante. Ele para sempre, é bem gostoso...

O que, não quer aceitar o meu convite?

Porque?

Ah, eu sei... Eu entendo. Ninguém merece, ainda mais aquele monte de trabalhadores que vão passar 8, 9 horas trabalhando e que gastam 1, 2 até mais horas apenas para se deslocar. E sem qualquer tipo de conforto ou proteção do estado. A grande maioria tem descontado do seu salário 6% para poder se deslocar de forma comprimida, sujeito a qualquer tipo de contratempo, desde um veículo com manutenção precária que estraga até os agentes contaminantes como gripe e coisa pior.

Motoristas estressados por conta dos horários que burocratas fazem se somam a esse cenário sempre animador.

Sucatas com motores volvo, scania, mercedes-bens entre outras, que rodam incansavelmente consumindo litros e mais litros de óleo diesel e contribuindo para nossas doenças pulmonares.

Por sorte, alguma criança ou não vai vomitar e nossa viagem ficará ainda mais prazerosa...

Vamos?

É ano de campanha eleitoral e eleições para prefeitos, que são os executivos que tem por obrigação fazer por nós... Já lavaram as mãos, eu sei, afinal fizeram uma licitação e o transporte é no máximo gerenciado por um órgão ligado a prefeitura, mas o prefeito, do alto de seu posto, tá cagando para o transporte público. (o lance do atual é bicicleta... ciclofaixa, essas coisas)

Ah, se nosso passeio foi em um dia bem curitibano, poderemos saborear aquele ar viciado de ônibus fechado, pois ninguém dentro quer sentir frio e por isso, as janelas não são abertas... Aí sim, heim...

Tá bom, ninguém vai aceitar meu convite, certo?

E eu, a hora que meu possante estiver pronto, não vou mais encarar isso também....


Um viva!!!

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

um convite verdadeiro

esse convite vai para todos aqueles que terão que votar no final do ano. sim, eu, você, a tia a sobrinha ou então, a pqp... Sim, todos!

Antes de escolherem seus candidatos, vejam com seus próprios olhos onde está indo o nosso dinheiro que pagamos de IPTU entre outros e por favor, escolham com mais paciência.

O convite é o seguinte:

Saiam de casa, com a família, levem um lanchinho no carro, e rodem com o carro pela BR-476, antiga BR-116 - mas façam isso justamente no trecho que vem de Fazenda Rio Grande, logo após acabar o pedágio que tem na BR. É hilário, é super engraçado - na verdade, ontem, enquanto a suspensão do meu carro batia como loca e ferrava com tudo, eu não dei muita risada. Mas é que esse trecho com toda certeza será utilizado como parte de uma grande campanha prometendo asfalto e essas merdas que esses candidatos sempre prometem.

Gente, é triste como curitiba foi abandonada por esse prefeito e talvez por seus anteriores...

É triste...

Triste mesmo saber que há uma unica luz no fim do tunel, mas credito que nem ele poderá ser melhor do que essas porcarias foram até então...

Motherfucker, viu.... te contar!

Mas é o preço que se paga, estou fazendo o convite para apenas um local, mas se rodar, você verá que a rápida centro-pinheirinho está um nojo com operação tapa buraco eleitoral, a rápida pinheirinho-centro idem, a Arthur Bernardes e sua continuação até o Barigui, enfim, é um show de horrores.

E tem mais uma, na esquina da Av. das Industrias com a Senador Accioly Filho, um posto de saúde ficou abandonado por anos, e agora, adivinhem, está sendo reformado....


Velhas práticas, nesse prefeito que dizia ser novo...

Triste, triste...

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Está cansado também?

Esta pergunta é quase retórica, afinal, quem nos dias de hoje não está cansado. Posso enumerar os motivos e faltariam dedos, mesmo contando mãos e pés. Mas, uma coisa não me sai da cabeça e sobre isso justamente que vou escrever.

Isso não se aplica a ninguém em específico que esteja no meu ciclo social, mas de forma mais ampla e abrangente, está diluída nos meus quase 39 anos de vida que completarei em dias. E é justamente o fato de que desde que nasci, as coisas estão sendo impostas para mim num parâmetro que até meus 14 anos - mais ou menos - eram aceitáveis e depois disso, passou a ter pouco ou nenhum sentido prático ou mesmo teórico.

Sabe aquela coisa que todos dizem: "graças a deus?" Pois bem, ninguém consegue entender que para mim, isso é apenas uma expressão que ouvimos dos outros mas que muitos repetem sem ter qualquer sentido em suas vidas. Uma frase, se colocássemos graças ao bule ou graças ao prego, teriam efetivamente o mesmo efeito.

Sabe quando alguém diz que isso ou aquilo é melhor para você, tipo, corte o cabelo com fulano ou leve seu carro para sicrano ou coisas assim? Pois é, estou cansado disso!

Estou cansado dos outros terem sempre algo para me dizer e para me guiar para um caminho melhor... Desculpem-me, se eu acertar ou eu falhar, quero fazer por minha própria escolha, por meu próprio destino, a não ser que eu pergunte... Se eu perguntar, pedir ajuda ou coisa que o valha, ai sim, a participação desse alguém será de boa valia...

Caso contrário, mesmo que você ou qualquer pessoa fale, vai entrar por um ouvido e sair por outro...

E quando alguém chegar para você e disser: o melhor é isso - seja franco com você mesmo e diga a você mesmo que o melhor para você mesmo é você mesmo quem decide!!! Se opinião fosse bom, essas pessoas venderiam pois sempre há espaço para alguém melhor querer levar vantagem/lucro de alguma forma, ou você discorda???

Ai o mundo evoluiu e existem os consultores e eles estão em todas as áreas: moda, educação, cultura, filhos, pets e tudo mais... Ou seja, dar pitaco na vida dos outros já se tornou uma profissão que está dando dinheiro para muita gente. Quanto mais experto, mais dinheiro eles ganham... Será?

Então, ao invés de se preocupar em usar protetor solar, se preocupe em saber qual fator você precisa, quando você precisa e se possível, decida, escolha, busque, pesquise. O que é bom para mim, não deve ser tão bom assim para você, certo?

Certo...

E eu, que não quero interferir de forma negativa em sua vida, vou fechar esse texto por aqui, buscando cada dia mais respeitar o espaço dos outros e trabalhando para que os outros não interfiram no meu espaço, de maneira pejorativa!!!

Abraço!


Está cansado também?

Esta pergunta é quase retórica, afinal, quem nos dias de hoje não está cansado. Posso enumerar os motivos e faltariam dedos, mesmo contando mãos e pés. Mas, uma coisa não me sai da cabeça e sobre isso justamente que vou escrever.

Isso não se aplica a ninguém em específico que esteja no meu ciclo social, mas de forma mais ampla e abrangente, está diluída nos meus quase 39 anos de vida que completarei em dias. E é justamente o fato de que desde que nasci, as coisas estão sendo impostas para mim num parâmetro que até meus 14 anos - mais ou menos - eram aceitáveis e depois disso, passou a ter pouco ou nenhum sentido prático ou mesmo teórico.

Sabe aquela coisa que todos dizem: "graças a deus?" Pois bem, ninguém consegue entender que para mim, isso é apenas uma expressão que ouvimos dos outros mas que muitos repetem sem ter qualquer sentido em suas vidas. Uma frase, se colocássemos graças ao bule ou graças ao prego, teriam efetivamente o mesmo efeito.

Sabe quando alguém diz que isso ou aquilo é melhor para você, tipo, corte o cabelo com fulano ou leve seu carro para sicrano ou coisas assim? Pois é, estou cansado disso!

Estou cansado dos outros terem sempre algo para me dizer e para me guiar para um caminho melhor... Desculpem-me, se eu acertar ou eu falhar, quero fazer por minha própria escolha, por meu próprio destino, a não ser que eu pergunte... Se eu perguntar, pedir ajuda ou coisa que o valha, ai sim, a participação desse alguém será de boa valia...

Caso contrário, mesmo que você ou qualquer pessoa fale, vai entrar por um ouvido e sair por outro...

E quando alguém chegar para você e disser: o melhor é isso - seja franco com você mesmo e diga a você mesmo que o melhor para você mesmo é você mesmo quem decide!!! Se opinião fosse bom, essas pessoas venderiam pois sempre há espaço para alguém melhor querer levar vantagem/lucro de alguma forma, ou você discorda???

Ai o mundo evoluiu e existem os consultores e eles estão em todas as áreas: moda, educação, cultura, filhos, pets e tudo mais... Ou seja, dar pitaco na vida dos outros já se tornou uma profissão que está dando dinheiro para muita gente. Quanto mais experto, mais dinheiro eles ganham... Será?

Então, ao invés de se preocupar em usar protetor solar, se preocupe em saber qual fator você precisa, quando você precisa e se possível, decida, escolha, busque, pesquise. O que é bom para mim, não deve ser tão bom assim para você, certo?

Certo...

E eu, que não quero interferir de forma negativa em sua vida, vou fechar esse texto por aqui, buscando cada dia mais respeitar o espaço dos outros e trabalhando para que os outros não interfiram no meu espaço, de maneira pejorativa!!!

Abraço!


quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Alguém está realmente preocupado?

Olá, faço essa pergunta, mas nem sei porque a faço. Mesmo assim, alguém está muito preocupado se dilma vai ou fica, se temer fica ou vai? Não né... Se estivéssemos, estaríamos protestando, acompanhando, sei lá, se manifestando muito além do que as redes sociais podem repercutir.

Ou seja, estamos realmente cagando para isso. E pior, quer apostar que vamos nos ferrar e votar errado de novo para prefeitos e vereadores? Aposta feita, heim...

Eu não me candidatei esse ano e considero que minha vida política está em standby, quem sabe um dia eu volto e volto com gás para aguentar tudo o que vi e ainda, conseguir galgar uma vaga lá... Por hora, vou permanecer aqui...

Mas, quando digo que estamos cagando para dilma ou temer, eu pergunto: te vale mais saber se ela vai ou fica ou se o seu dinheiro vai render alguma coisa no final do mês??? O meu não rende.. Para minha categoria o sindicato dos patrões está oferecendo 0% com uma inflação de 9,91% acumulada no período do dissídio coletivo. Não os culpo, mas temos que entender que todos estão perdendo, e o trabalhador é o que mais vai se ferrar. Só a título de ilustração - a escola dos meus filhos subiu 15%. Isso sem contar gasolina, comida e diversão... Ainda bem que não sou religioso pois acho que até os 10% do garçon (padres, bispos, pastores, coisas assim) deve ter aumentado.

E se temer ficar?

E se dilma voltar?

E se a pqp minha vó assumir, o que acontecerá?

Não sei, mas até agora, nada está indo como deveria no brasil, ou melhor, na verdade, o brasil está como sempre esteve e como deverá ser sempre - um lixo!

Meu nobre amigo Dudu, acredita na mudança, eu, jamais. Até porque, estamos novamente cagando para tudo o que está acontecendo. E ainda, aplaudiremos neymar campeão, certo?

Muito futebol, muita cerveja e se fizer merda, vai lá e se confessa, não é assim?

Pois bem, que um dia mude tudo isso, mas espero que se mudar, mude logo pois a coisa anda meio complicada atualmente.


Abraço...

quarta-feira, 3 de agosto de 2016

Voltei...

Depois da ultima postagem se passaram muitos dias e como todo bom brasileiro temente às leis, eu cumpri o que manda a legislação e me afastei por 30 dias para o gozo de minhas férias. Eu sei, não sou o melhor exemplo e realmente não sei para que férias tão longas, acredito que 15 dias seriam mais que suficientes...

Mas fiquei os 30 dias e fiz mais, procurei ficar esse tempo todo sem ler notícias desagradáveis - o brasil é um país desse tipo de coisa - fiquei sem ler sobre política, sobre economia e principalmente sobre dilma... aliás, ela ainda está por aí?

Dane-se, não quero mesmo saber dessa senhora.

E sobre o movimento de separação dos estados do sul? Hum  acho que não né, afinal ela é do sul e ainda seria a presidente desse novo estado... Fazemos o seguinte, SC e RS que façam o que quiserem, mas os paranaense sim forma um novo estado, independente de qualquer outro e ainda, cortamos os cabos de energia elétrica e fechamos as fronteiras com muros e soldados armados, heim? Boa, né...

E se o restante quiser, que peguem seus políticos de merda e construam um tunel, a gente deixa, por baixo do paraná para que se possa passar de SP a SC, por exemplo, sem pisar no PR... Seria legal...

Mas é isso, estou de volta das férias, mais calmo e menos ácido, mais lúcido e menos louco... Será?


Um viva para todos!

quinta-feira, 23 de junho de 2016

Vítimas eternas!

É incontestável a incompetência gerencial de nossos governantes. Se tomarmos como base o poder executivo, eles são incompetentes! O legislativo, por sua vez é cego, burro e ignorante - acredito que mais de 80% dos que lá estão, não sabem ao menos o que deveriam fazer. E vou parar por aqui.

Simples como amarelo é amarelo... Tem diversos tons mas amarelo é amarelo.

Ontem, um familiar foi vítima de um roubo. Levaram um Fusca 68, reformado e inteiro, carro de família, relíquia que estava há mais de 20 anos na família... Levaram na mão grande, dentro de um supermercado de Curitiba e isso, nem é fato isolado, conversando com duas ou três pessoas, você ou qualquer pessoa traça um mapa dos supermercados onde, deixar um carro, é 100% de perda!

Mas, afinal de contas, se pergunta você agora, o que chateia mais?

Sim, o que chateia mais é que vivemos num eternizante discurso do não reaja... E com isso, não reagimos apenas ao bandido no cumprimento do seu ofício (crime), mas não reagimos a nada. Uma presidente foi afastada e estamos novamente em berço esplêndido, dormindo o sono eternos dos brasileiros - burros e preguiçosos... Viva o brasileirão na tv, o churras com muita cerveja de 5ª, que é o que nos é oferecido e com algumas orações/rezas quando a coisa aperta...

Não reagimos a nada!

Não reagimos aos piratas, não reagimos aos governos, não reagimos a absolutamente nada. Qualquer coisa coisa que nos traga para a zona de conforto nos faz ficar simplesmente no conforto.

É triste e não só pelo fusca, pois esse parente é apenas a 6 pessoa que conheço que perdeu seu fusca. Um foi no mercado, outro no parque, outro de dentro da garagem mesmo, e assim vai..

E vamos continuar, acomodados e não reagindo...

Nunca reagir....

Nunca...

Nun...

N...

quarta-feira, 22 de junho de 2016

É água pra caralho....

Me perdoem o uso do "caralho", mas a frase não teria sentido tão maior sem esse adjetivo... Mas é que a coisa é grande mesmo, pois desde as primeiras horas de hoje, quarta-feira, choveu 33 mm em curitiba... 33 mm

Quer ter uma ideia do que é isso?

Se você fizesse um quadrado de 1 metro por 1 metro e colocasse 33 mm, você teria 33 litros de água.

Se essa caixa fosse de 100 metros por 100 metros, você teria???? 3300 litros...

Imagine isso nos 430,9km² de curitiba...

É muita água... E isso é bom, né, até porque essa água vai para as usinas hidroelétricas e assim, possivelmente não teremos falta de energia elétrica, o custo vai baixar e poderemos usar aqueles aquecedores para aquecer o inverno... Sabe nada, inocente...


Bom, não tenho nada para escrever hoje, não tenho assunto ou tema, não tenho sequer uma inspiração, se alguém tiver, passa via face, ajuda... passa via whats, ajuda.. passa em sinal de fumaça...hahahha



abraço

terça-feira, 14 de junho de 2016

Será mesmo?

Reflexões de um dia normal:

- será mesmo que precisamos te toda essa velocidade quantidade de dados, dia após dia, hora após hora, minuto após minuto?

- porque bits e bytes se tornaram tão importantes para que a gente não durma mais direito, não coma mais direito, não viva mais direito?

- o que podemos esperar? Smartphone implantados na cabeça para que não percamos tempo esticando as mãos para retirá-los dos bolsos?

- implantaremos algum indutor magnético que nos fará pensar como máquinas e não mais como humanos?

- será que, assim como hoje somos obrigados a aceitar diversas coisas, como cachorros que são gente e parte da família, teremos que nomear nossos dispositivos como nome e nosso sobrenome?

- quando dormiremos no dia em que nos tornarmos máquinas?

- porque me dói nos ouvidos quando escuto alguém dizendo que vai procurar no google porque o google tem a resposta para tudo?

Bom, são reflexões que tenho em mente nos ultimos tempos. E como pai de dois moleques, tenho me preocupado cada vez mais com a dependência de bits, redes sociais, youtube e ainda pior, youtubers e facebookers... Gente que tem pouco ou quase conteúdo vendendo verdades ou quase verdades a preço de merda só para se tornar celebridades...

O mundo mudou mesmo, e os focos estão cada vez mais mudados. ou alguém aqui acha que realmente a internet é o mar de verdades que parece ser?

Não se se escrevi aqui já, mas comecei a usar a internet antes mesmo de ela ser uma internet no brasil, precisávamos de convite para tal e confesso que esse processo evolutivo de 20 anos me choca a cada vez que acesso meu blog para escrever, por exemplo.

Toda essa informação, todos esses incapazes fazendo as vezes de reis da verdade, um bando de gente que acha que uma câmera nas mãos e um canal no youtube e tudo certo... Mas, lembra daquela: Tostines vende mais porque é fresquinho ou é fresquinho porque vende mais?

Tudo isso existe porque tem que queira ou tem quem queira porque tudo isso existe?

Não sei não, ma que assusta, assusta...

E viva a internet, terra onde todos são um só ninguém!!!

segunda-feira, 13 de junho de 2016

A que ponto chegamos, heim?!

Depois de um famoso 7 x 1, que na verdade eu torci e vibrei por cada um dos 7, tomando claro uma Heineken bem gostosinha, o que mais faltava para nossa Seleção Brasileira de Futebol Masculino?

Faltava isso, perder por um gol de mão...

Hoje pela manhã ao ouvir no rádio, não pude deixar de rir e me arrepender de não ter assistido o jogo novamente com uma Heineken nas mãos. Seria um deleite prazeroso que perdi. Sim, além de não gostar nenhum pouco de futebol, embora tenha dois filhos apaixonados pelo esporte, torço sempre contra a Seleção Brasileira. Muito mais pela forma como ela é utilizada que pelo que ela representa.

Mas, vamos lá... Se ela fosse assim tão boa, com certeza um gol de mão, de pé, de cabeça, de perna, de bunca, não faria qualquer diferença, certo?

Se estivessem ganhando de 2, 3, 4, 5 ou até mesmo 7, esse golzinho não seria nada. Mas, fato é que perdeu por um gol de mão e qual time nunca ganhou com um gol de mão ou de braço? Aliás, o próprio Brasil, na Copa América de 1995, com um tal Túlio, que ajeitou com a mão, juiz fez vistas grossas e gol...

Ou seja, pau que bate em Francisco, bate em chico, não é mesmo?

Muito bem feito, menos dinheiro será gasto com esse bando de "jogadores' e todos os luxos que eles carregam consigo.

Não assisti o jogo e pena, vibraria muito com ele!

Legal é que provavelmente perdi Galvão e suas certezas mitológicas com relação ao gol de mão, ao juiz e coisas assim...

Bem, menos mal, o brasil já fez o seu de mão também...


Tá tudo igual!!!


Fui!

quinta-feira, 9 de junho de 2016

Podem me xingar...

Qualquer um que leia esse e-mail tem o direito de me xingar pelo menos uma vez, se possível, poupando a honra da minha mãe apenas, mas de resto, sem limites. E claro, podem profanar a vontade pois, eu realmente não me importo: AMO O FRIO!

Amo mesmo!

Hoje, a hora que entrei no carro o termometro marcava 4.5°C. Assim que saiu da garagem, baixou para 3°C...

Isso foi tão bom para mim que, mesmo sentindo esse frio todo, meu dia ficou muito mais alegre, mais feliz, mais gostoso. O frio acelera meu cérebro ao ponto de que eu prefiro trabalhar com frio do que suando no calor. Quando nasci e onde nasci, fazia muito frio e talvez por isso que eu goste tanto assim de frio.

Mas sou parte da grande minoria e isso também não me importa, afinal de contas, minorias normalmente tornam-se tão importantes na sociedade!!!

E quero que esfrie mais, mais e muito mais...

Os que não gostam que me perdoem, mas vocês tem a maior parte do tempo de calor, então, deixa a galera do gelinho curtir essa curta temporada que teremos...

Por isso é que eu defendo que o paraná consiga sua independência do resto do Brasil!

Somo s um estado top e assim deveria ser, criamos uma país Paraná e depois, exportamos o Beto Richa para São Paulo ou para onde quer que seja, e assim, já começamos a nos livrar desses entulhos que estão destruindo esse estado...

Podemos mandar ele para Sampa, o Requião para Santa Catarina e os demais, mandamos uma para cada estado escolhido por sorteio aleatório... Será?

É, acho que o frio está me fazendo mal agora...kkkk

Brincadeiras a parte, o texto era mais para ajudar a esquentar meus dedos!!!


E claro, porque adoro escrever para todos os que leem esse blog...

Abraço!!!

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Desculpem-me!

Então, a história é a seguinte: nos ultimos dias estamos, nós curitibanos, sendo bombardeados com notícias, relatos e histórias dos assaltos a ônibus e principalmente, aos passageiros desses veículos. Não obstante, temos ainda os assaltos aos transeuntes e demais cidadãos dessa sociedade. Nesse contexto, um detalhe que chama atenção é que os meliantes, chegam, abordam suas vítimas algumas vezes com extrema violência desnecessária para o tamanho do delito e exigem algo específico: o celular!

Ouvi pelo menos 3 relatos na ultima semana além das notícias que deram conta do assunto.

E aí, peço desculpas mais uma vez, mas não há como continuar o assunto sem tocar numa ferida social muito importante que é nossa participação nisso tudo. Eu sei, todos temos o direito de trabalhar e conquistar nossos objetos, os nerds uma época chamavam de Gadgets e assim sendo, nada mais justo que os usemos onde quisermos e coisas e tal.

Mas, assim como conheço pessoas que foram assaltadas e tiveram seus bens levados, alguns inclusive com o uso de arma de fogo para coação, conheço também pessoas que participam do outro lado da coisa (não são meliantes não), mas que alimentam esse mercado, hoje mais livre que tudo!

Certa vez, caminhando no centro de curitiba, ao parar e esperar o trânsito para atravessar uma rua, fui abordado por um sujeito, bem vestido, de fino trato, que, me mostrou um aparelho (conheço bem esse nicho) que valia na época, novo com nota, por volta de 1500 reais. A oferta era esse aparelho, sem fones de ouvido ou carregador, com a garantia de perfeito funcionamento, por 750 reais. Claro que eu, no meu pensamento pensei, opa, boa oferta, mas que neguei de forma imediata.

Mas o moço foi além, baixou o valor para 650 reais... E novamente neguei, pois logo imaginei que não era alguém desesperado por dinheiro que estava vendendo um bem seu para alimentar 5 ou 6 perebentos em casa!

Para minha surpresa, esse cidadão de bem, até que se prove o contrário e que deve ter estudado em uma excelente escola de negócios, me propôs que, se eu quisesse, ele iria comigo até o banco e por 500 reais em dinheiro o celular seria meu, assim, na tranquila, 15 horas e tantos de uma tarde de dia da semana.

Aí eu te pergunto: como não aceitar que isso seja no mínimo um bom negócio? Explico antes das acusações de apologia ao crime.

O cara está ali no centro de curitiba, onde passam milhares de pessoas todos os dias. Em 2 minutos, fechamos a negociação com 3 negações minhas. Ele parte para outro. Em uma hora bem trabalhada ele vai abordar algo próximo a 30 pessoas (60 minutos / 2 minutos por pessoa = 30 pessoas)... Se dessas 30 pessoas por hora, 1 comprar seu produto, ele ganha 500 reais por hora. Piorando o cenário, se ele vender 1 a cada 2 horas, 250, 1 a cara 4 horas, 125... Quem ganha isso hoje por hora?

Com uma faca nas mãos ou uma arma, em 1 hora ele consegue levantar vários aparelhos... E aí, dá pra pensar que investe uma parte da manhã para ganhar, uma parte do dia para limpar os mesmos e a tarde, sai vender...

E, se tem gente que compra, tem gente que vende, se tem gente que vende, tem gente que rouba, se tem gente que rouba, tem gente que é assaltada, e o ciclo nunca mais vai fechar a não ser que uma das partes desista de participar, o que, num futuro próximo não parece ocorrer...

Ou alguém ainda acha que os assaltos com roubo/furto de celular é para levar os aparelhos para as cadeias? Não, né...

Lembro-me bem que uma época esse mesmo comércio girava em torno dos Walkman´s, que eram febre. Depois, passou para os óculos, quem nunca teve um HB roubado? Os meliantes subiam nos pneus dos ônibus parados para roubar óculos de sol HB, Mormai... E dinheiro é algo raro, pouca gente anda com dinheiro... Jóias idem - documentos e cartões não servem para muita coisa então, sobra os famosos Gadgets, que cada vez custam mais caro, cada vez são mais cobiçados e por ai vai.

A polícia pode fazer tudo que for possível, enquanto tiver gente comprando iPhones roubados, Galaxy S7 furtados, e outros smartphones de mercado clandestino, haverá pessoas dispostas a roubar os mesmos...

TV´s, bicicletas e até carros - é a mesma coisa, quem não conhece alguém que tenha comprado um bem desses (tirando carro) baratos? Isso sem falar nos mercadões do face, que viraram uma bora ferramenta (alguns poucos) e nos sites de vendas, em que a origem não é exigida ou verificada...

E nem vem com o papo de crise, pois quem participa disso, não tá interessado em crise...


Por fim, vamos lá... Qual linha será a próxima?

Fui!!