terça-feira, 12 de setembro de 2017

Não consigo parar!!!

Não consigo mesmo parar. Todo dia, toda hora, todo minuto... A cada maldito instante tento aprender algo com alguém, algum fato ou simplesmente com a sensibilidade. Cresci numa sociedade que me ensinou que o ser humano é o único animal racional e que pensava. Hum, bullshit!!! Bullshit nervosa!!!

Hoje, aqui no DLQ não tem vídeos, estive sem paciência de fazer mas em breve faço - até porque os últimos dias foram um pouco corridos e sendo assim, o "não inteligente aqui", não conseguiu se organizar e que assim siga.

Fato é que, toda vez que vejo um ser humano agindo como ser humano, almejo me tornar novamente um animal, irracional e desprovido de qualquer inteligência no que diz respeito ao conceito em si. Quer entender porque?

Veja as duas fotos a seguir e logo voltamos:


Foto 1: A natureza interagindo com a natureza. Simples!

Foto 2: O "ser humano" interagindo com a natureza.

E aí, que é quem nessa história? Quem é inteligente e quem não é?

Quem é o racional e quem não é?

Eu prefiro, muito, ser burro. Por favor, se é que deus existe - duvido muito - que ele ilumine meu caminho para a burrice, estou cansado de tentar ser inteligente, aliás, de tentar mesmo, pois se a imagem 2 demonstra um pouco da inteligência de uns, até hoje acho que já me mantive na meda da burrice - objetivo alcançado. E essa foto foi apenas uma amostra. Poderia ter tirada muitas mais, mas fiquei com medo que a câmera estragasse com o cheiro.

Dessa forma, acredito realmente que ao invés de estarmos "evoluindo", estamos caminhando de marcha ré, para um processo de desconstrução do nosso ser. 

Discorda? Sorte sua!

#abraçodoLG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!