quinta-feira, 29 de abril de 2021

Aquele do "Os causos contam..."

 Você que está lendo este texto agora, que é escrito sem objetivos maiores mas que busca demonstrar os causos que acontecem a cada segundo e nem sequer nos damos contas já amou? Já sentiu estar amando mesmo sem saber se isso é realmente amor ou apenas aquela sensação de bem estar, que faz as mãos ficarem suadas, o coração palpitar que tudo isso gera aquela outra sensação de querer mais e mais de todas as sensações?

Você já teve aquela sensação de que gostaria de estar em qualquer lugar desde que fosse com aquela pessoa especial que te causa sentimentos e emoções tão especialmente particulares?

Hum, então você é exatamente como Paulo. Sim, Paulo redescobriu a vida depois de uma longa tragetória. Ele passou muitos anos num relacionamente em que acreditava ter tudo o que já foi falado e mais, fazia muito para isso. Paulo abriu mão de muitos amigos, Paulo reaprendeu a dirigir, Paulo isso, Paulo aquilo. Paulo inclusive achava que sua amada era tão especial que não poderiam existir outras. 

Um dia, Paulo descobriu através da dor que, não existe qualquer pessoa no mundo insubstituível. Paulo até sofreu, chorou, caiu. Mas a hora que se levantou entendeu completamento o sentido da palavra substituível E é isso mesmo que ele se permitiu fazer.

E agora, Paulo faz exatamente o que sempre fez: se dedica, se doa, faz tudo que pode e as vezes o que nem pode pois Paulo, redescobrir como é bom ser amado e amar. Mas agora, Paulo fez algo diferente, aprendeu com suas dores e seu sofrimento que antes de amar, precisa se amar. Só quando se tem amor próprio é que se pode doar, que se pode decidir amar outro alguém.

Paulo redescobrir o gostinho das mãos tremendo, dos lábios que quando se encostam fazem as pernas tremulares, das mãos que se tocam, entrelaçam os dedos e parecem que mesmo com o suor, nunca mais querem se largar. Paulo decidiu se permitir sofrer novamente pois quem ama, cedo ou tarde, vai sofrer.

Sim, Paulo se permitiu fazer o que sempre é feito por milhares de apaixonados por aí, se permitiu AMAR novamente.

Paulo corta seu cabelo, faz sua barba, executa seu trabalho com a maior atenção... Se Paulo vai cair novamente? Só o tempo dirá, mas por hora, ele está se permitindo fazer uma das 7 maravilhas da vida, que é Amar.

Paulo, Paulo, se eu pudesse te dar um conselho, eu diria para você usar protetor solar, mas como protetor solar é uma das invenções para nos condicionar, eu vou dar outro conselho ao Paulo: mergulha fundo nesse amor, man, busque sempre sua felicidade, mesmo que ela esteja escondidinha num aperto de mão, num beijo rapidinho ou, numa ligação!

Paulo, ogulho de você, meu garoto!!! hehehe


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!