segunda-feira, 20 de dezembro de 2021

Vamos de? --> Quem não acredita, é melhor começar a acreditar...

 Nos últimos dois meses esse assunto esteve sempre em pauta e não acredito que vai deixar de estar por enquanto. E eu, como gosto de acompanhar, não vou deixar de escrever sobre ele sempre que eu achar oportuno.

Veja a sequência numérica abaixo e depois escrevo sobre ela:

Semana 1: 6,189; 6,179; 6,159

Semana 2: 6,089; 6,079; 6,049

Semana 3: 6,019; 5,949

Sim, estamos tratando de um mesmo posto do combustíveis, instalado há décadas no mesmo endereço, porém com donos diferentes e que, nas últimas semanas praticou os preços conforme descrito acima. Consegue perceber algum padrão? Eu consigo e o padrão que observo é que nas últimas 3 semanas o preço da gasolina aditivada variou um pouco. Se contarmos a minha primeira leitura, que inclusive foi no dia em que abasteci até a última leitura, temos uma diferença de 0,24 R$. Para baixo. 

No meu caso, meu carro usa 53 litros por abastecida. Essa diferença de 0,24 vai me render 12,72 R$ a menos no abastecimento. Parece pouco? Serão 2,13 litros a mais que poderei colocar no outro abastecimento. 

Eu conheço diversas pessoas que sempre dizem que não acreditam que na bomba a coisa vai acontecer, mas não podemos esquecer que temos sim uma economia livre ou o mais próximo de ser livre o mercado. Sem interferências, é assim que deveria ser, até porque existe uma condição de deixar atrelado o preço do combustível ao valor do dólar e os valores nos mercados internacionais.

A mídia, por sua vez, não fará qualquer menção referente ao preço quando este estiver caindo, como está. Por qual razão? Simples, notícia boa não dá audiência, e isso é nossa culpa. Minha, sua, de nossos pais, filhos, tios, até porque, somos nós que consumimos essa mídia maldita.

Então, observe nos postos onde você abastece seu carro ou então, nos postos por onde você costuma passar, verás que sim, há uma diferença e ela não é tão pouca assim.

Espero que você dê pelo menos o crédito de não culpar que não é o culpado por tudo isso e não são apenas os governos estaduais e federal que merecem a culpa. Donos de postos, petrobrás e seus acionistas e tudo mais, é uma máquina muito complexa para podermos culpar apenas 1 deles.

Fiquem bem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desabafe!